82 99641-3231 (pedido musical)

82 99947-6977 (jornalismo)

Atriz Margot Robbie estrelará ‘Piratas do Caribe’ centrado em mulheres

Atriz Margot Robbie estrelará ‘Piratas do Caribe’ centrado em mulheres

Os “Piratas do Caribe” estão se preparando para zarpar em uma direção totalmente nova, com a atriz australiana Margot Robbie estrelando uma nova versão de uma das maiores franquias de filmes da Disney.

Robbie, estrela de “Esquadrão Suicida” e “Eu, Tonya”, vai liderar um filme conduzido por mulheres dos “Piratas”, que está nos estágios iniciais de desenvolvimento, disse uma fonte com conhecimento do projeto nesta sexta-feira (26).

A iniciativa marca a mais recente campanha de Hollywood para refilmar clássicos com mulheres nos papéis principais, incluindo “Caça Fantasmas” de 2016, estrelado por Melissa McCarthy, e “Oito Mulheres e um Segredo” de 2018, com Sandra Bullock e Cate Blanchett.

Nenhum detalhe da trama estava disponível, mas a história está sendo escrita pela roteirista britânica Christina Hodson, de “Aves de Rapina: Arlequina e Sua Emancipação Fantabulosa”, e produzida por Jerry Bruckheimer, disse a fonte.

Baseado em um passeio nos parques temáticos da Disney, os cinco filmes “Piratas do Caribe”, estrelados por Johnny Depp como Jack Sparrow, arrecadaram US$ 4,5 bilhões nas bilheterias mundiais desde 2003.


Justin Bieber pede US$ 20 mi em ação contra mulheres que o acusaram de estupro

Justin Bieber durante show em Las Vegas
22/05/2016
REUTERS/Mario Anzuoni

O cantor Justin Bieber apresentou uma ação de difamação no valor de US$ 20 milhões (R$ 109,2 milhões) contra duas mulheres que o acusaram nesta semana de estupro.

As duas mulheres publicaram as afirmações em suas contas no Twitter. O processo movido por Bieber, apresentado na quinta-feira (25), chama as afirmações de “fabricadas”. A CNN obteve uma cópia do processo.

Uma das mulheres, que é listada no processo como Jane Doe-2 e identificada no Twitter como “Kadi”, afirma que Bieber a estuprou na manhã de 5 de maio de 2015 em um hotel em Nova York.

A queixa de Bieber chama as alegações de “factualmente impossível” e diz que elas “são contraditórias com as afirmações anteriores da mulher, são embasadas apenas em textos falsos ou falsificados, e as alegações são uma fabricação completa para a intenção de obter fama e atenção, e há diversas testemunhas que contradizem as mentiras maliciosas de Kadi”.

A segunda mulher, chamada de Jane Doe-1 e identificada como “Danielle” na queixa, acusou Bieber de estuprá-la em 10 de março de 2014 no hotel Four Seasons, em Austin, no Texas. Ela apagou seus tweets sobre o assunto.

O processo de Bieber nega a acusação. “Danielle fabricou seu encontro sexual com Bieber no hotel Four Seasons porque foi noticiado publicamente que ele havia jantado no restaurante do hotel em 10 de março de 2014 e ela presumiu que ele teria se hospedado no hotel, com base nos relatos de que ele havia jantado lá”, continua a ação. “No entanto, apesar de Bieber ter ido ao restaurante, ele NÃO se permaneceu no hotel Four Seasons”.

Justin Bieber também foi às redes sociais para negar as acusações.

“Toda alegação de abuso sexual deve ser levada muito seriamente e é por isso que a minha resposta foi necessária”, escreveu Bieber esta semana, em um tweet. “No entanto, esta história é factualmente impossível e é por isso que eu estou trabalhando com o Twitter e as autoridades para tomar as medidas legais.”


Aluno do Ifal Palmeira integrará time de jovens do Brazilian Leadership Bootcamp

Saulo Teixeira, de 18 anos, integrará time de jovens do Brazilian Leadership Bootcamp

Uma das edições mais concorridas do Brazilian Leadership Bootcamp terá um representante do Instituto Federal de Alagoas (Ifal), campus Palmeira dos Índios. O aluno do 4º ano de Informática, Saulo Teixeira Duarte, de 18 anos, participou de uma criteriosa seleção para integrar o time de 30 jovens da América Latina selecionados para compor a edição única do evento deste ano no Brasil, que está previsto para ocorrer em dezembro, na cidade de São Paulo.

Promovido pela Latin American Leadership Academy (Lala), o evento tem como objetivo oferecer um programa intensivo de férias focado em desenvolver nos jovens habilidades e competências necessárias para formação de líderes conscientes e a serviço da sociedade. É a oportunidade que eles têm de participar de uma programação especial voltada ao empreendedorismo, autoconhecimento e desenvolvimento pessoal, através da criação de projetos de impacto social e visitação a comunidades, por exemplo.

No ano passado, o campus Palmeira também teve representação no Bootcamp, com o aluno de Edificações, Vinícius Monteiro. Fato que influenciou e incentivou Saulo a concorrer para a edição deste ano. Como ele não conhecia o Programa, resolveu pesquisar e descobriu que seria importante para seu futuro profissional por tratar do desenvolvimento de liderança em jovens. Segundo o estudante de Informática, a seleção foi realizada em duas fases: a primeira de application com redação, criação de vídeo e algumas experiências e, na segunda, de entrevista.

“Na redação, pude fazer uma declaração pessoal e falar sobre meus gostos e dos projetos que desenvolvi no Ifal, como um ligado ao ensino da Física com o uso de softwares, através de um projeto de extensão com o professor Rodrigo Raposo, e de um de Artes com o professor Daniel Cavalcanti sobre cinema. Além disso, tratei de minhas expectativas para o futuro”, diz Saulo.

Da seleção até a notícia da aprovação, alguns dias se passaram e Saulo chegou a acreditar que não seria um dos selecionados. “Em 16 de junho, recebi o e-mail e já começava com ‘parabéns’. Fiquei muito emocionado, porque esse foi um dos anos mais concorridos do Programa. Fiquei feliz pela aprovação no meio de milhares de jovens”, ressalta.

Custeio de despesas

A empolgação do garoto é grande em torno do evento. Mesmo contando com o apoio da instituição, para realizar este sonho, ele precisa arrecadar o valor de R$ 4 mil para custeio de despesas pessoais para o Programa de jovens líderes. Para isso, ele está fazendo uma campanha através de suas redes sociais. Interessados podem ajudá-los através do link: >>abre.ai/saulolala<<. Ou doar diretamente para sua conta na Caixa Econômica Federal: Agência 0057, Operação 013, Conta 7863-0.

“As expectativas são altas para o Bootcamp, porque conversando com participantes de edições anteriores, eles afirmam que esta foi uma das melhores experiências de suas vidas. Espero que seja a minha também! É disso que preciso: entender mais sobre mim, trocar experiências com jovens de diversas partes do Brasil e assim entender mais sobre cada realidade”, conclui Saulo.


Covid-19: Governo fecha parceria para produzir vacina britânica

Governo fecha parceria para produzir vacina britânica

O Ministério da Saúde anunciou neste sábado uma parceria com o Reino Unido para a produção da vacina de Oxford no combate ao coronavírus. A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) receberá a tecnologia e insumos.

Na primeira fase, o governo comprará 30,4 milhões de doses, dividos em dois lotes de 15,2 milhões cada. O valor do acordo é de US$ 127 milhões, sendo os custos de processo de transferência de tecnologia estimados em US$ 30 milhões.

O primeiro dos lotes de 15,2 milhões será entregue em dezembro de 2020 e o segundo em janeiro de 2021.

Em entrevista recente, o presidente da AstraZeneca Brasil disse que “o Brasil tem uma grande capacidade na produção de vacinas” e afirmou que todas as possibilidades estavam em análise, quando questionado sobre a possibilidade de produção do imunizante no país. No início do mês de junho, foi anunciada a inclusão do Brasil nos testes dessa vacina, com a participação de 2.000 voluntários no Rio de Janeiro e em São Paulo. Os testes clínicos em São Paulo, conduzidos pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), foram iniciados no último final de semana.

A vacina desenvolvida pela Universidade de Oxford é uma das mais avançadas e foi a primeira a iniciar os estudos clínicos de fase 3. A última etapa exigida por agências regulatórias antes da aprovação.

Segundo o ministro interino da Saúde, general Eduardo Pazuello, entre 15 iniciativas promissoras de desenvolvimento de vacinas identificadas pelo Ministério, três foram escolhidas. São elas a vacina de Oxford, uma chinesa e uma americana.


Exportação recorde: China compra do Brasil maior nível de soja em 2 anos

Brasil deverá colher 120,7 milhões de toneladas de soja na temporada 2019/20

As importações chinesas de soja do principal fornecedor, o Brasil, atingiram em maio o nível mais alto em dois anos, de acordo com dados alfandegários divulgados nesta sexta-feira, com a China demonstrando grande apetite por uma safra brasileira recorde neste ano.

A China, o maior importador mundial de soja, trouxe 8,86 milhões de toneladas de soja brasileira no mês passado, o maior volume desde maio de 2018 e 41% a mais do que as 6,3 milhões de toneladas vistas no mesmo período de 2019, mostraram dados da Administração Geral das Alfândegas.

As importações do produto do Brasil também cresceram 49% na comparação com abril.

Já as compras chinesas de soja dos Estados Unidos somaram 491.697 toneladas em maio, queda de quase 50% em relação a maio de 2019 e a menor contagem mensal desde janeiro de 2019.

As chuvas atrasaram os embarques de soja do Brasil no final de fevereiro, o que afetou gravemente as chegadas em março e abril na China.

À medida que o tempo melhorou, os embarques aumentaram gradualmente e agora provavelmente atingiram na China o pico para o fornecedor sul-americano.

Em abril, as exportações do Brasil para todos os destinos atingiram um volume recorde de 16,3 milhões de toneladas de soja, segundo dados do governo brasileiro, que apontaram embarques de outras 15,5 milhões de toneladas em maio.

Agora, espera-se que a China volte-se aos Estados Unidos, à medida que os chineses tentam cumprir seu acordo de impulsionar as compras agrícolas sob o pacto comercial da fase 1 com os norte-americanos –Pequim repetiu seu compromisso durante conversas no Havaí na semana passada.

O período de pico para remessas dos EUA para a China ocorre tradicionalmente durante os últimos quatro meses do ano civil, e a China historicamente conclui mais de 40% de suas compras de um ano inteiro dos Estados Unidos durante essa janela.


Harry e Meghan assinam contrato com agência para entrar no circuito de palestras

Noivado de Príncipe Harry e Meghan Markle (Foto: Tim Rooke/Shutterstock )

O príncipe Harry e sua esposa Meghan estão prontos para entrar no circuito dos palestrantes após assinarem com uma agência que trabalha com o ex-presidente dos Estados Unidos Barack Obama e outros clientes de destaque, de acordo com uma pessoa familiarizada com os planos do casal.

Eles estão sendo representados pela Agência Harry Walker, com sede em Nova York, cuja lista de palestrantes inclui Barack e Michelle Obama, Bill e Hillary Clinton e Oprah Winfrey, disse a fonte nesta quarta-feira (24).

A medida é um dos primeiros passos importantes do duque e da duquesa de Sussex para conseguir trabalho remunerado fora da família real britânica depois que eles anunciaram planos, em janeiro, de levar uma vida mais independente. Eles agora vivem em Los Angeles com o filho de 1 ano, Archie, de acordo com relatos da mídia.

Os assuntos do casal se concentrarão em questões como justiça racial, igualdade de gênero, meio ambiente e saúde mental, um tópico importante para o príncipe Harry, que falou publicamente sobre suas lutas após a morte da mãe, a princesa Diana.

Eles falarão juntos e individualmente, disse a pessoa familiarizada com o planejamento.

O acordo com a Harry Walker, de propriedade da empresa de mídia Endeavor, foi divulgado pela primeira vez pelo Los Angeles Times.

O circuito de palestras pode ser lucrativo para celebridades de alto nível. Palestrantes de grande destaque podem ganhar na casa de seis dígitos por uma única aparição.


Redes sociais


Whatsapp: 82 99641-3231

Contato


Rua José e Maria Passos, nº 25 - Centro - Palmeira dos Índios - AL.

Tel: (82) 99641-3231

© 2020 RÁDIO SAMPAIO - Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Interactive MOnkey