Tino Marcos deixa a Globo depois de 35 anos na emissora

Jornalista esportivo, Tino Marcos – Foto: Divulgação

O repórter Tino Marcos está deixando a Rede Globo depois de 35 anos na emissora. Foram seis Jogos Olímpicos, oito Copas do Mundo e 30 anos cobrindo a seleção brasileira. Ele fica na Globo até o final de fevereiro, quando encerra uma série de reportagens especiais que vai ao ar em julho.

“Nesses anos todos eu fiz tudo. Não tem lacuna. Fui a Pan-Americano, Sul-Americano… Tudo. A palavra mais forte de tudo é gratidão. Gratidão à vida por ter me permitido… Por eu ter podido fazer aquilo que, para mim, sempre foi uma diversão. Sempre sonhei com uma despedida da Globo alegre, leve. Me preparei para isso gradativamente. Tive a cumplicidade total da direção na condução desse tipo de modelo”, disse Tino, em comunicado oficial divulgado pela emissora.

“A pandemia é uma variável decisiva nesse processo. Tornou inviável o modelo de trabalho que eu vinha tendo, voltado para matérias com mais fôlego, séries, grandes produções. Isso se resumiu muito. E tem todo um contexto. Minha filha se formando na faculdade, minha esposa se aposentando esse ano, eu perdi os meus pais. A vida, 2021, está me trazendo muitas novidades. Por agora é isso aí. Viver essa pandemia, ficar em casa o máximo que eu posso. O que eu gosto mesmo é de produzir conteúdo, contar histórias”, completou.


Deixe uma resposta