Santa Casa de Maceió tem lotação máxima de leitos para Covid-19: ‘Situação muito grave’, diz diretor

Santa Casa de Maceió tem lotação máxima de leitos para Covid-19

O diretor médico da Santa Casa de Misericórdia de Maceió, pneumologista Artur Gomes, gravou uma mensagem de áudio nesta sexta-feira (18) para informar que o hospital está com capacidade máxima de pacientes com suspeita ou confirmação da Covid-19. O internamento de novos pacientes foi temporariamente suspenso.

A Santa Casa dispõe de 70 leitos e todos eles estavam ocupados às 18h05, quando 10 pessoas ainda aguardavam por internamento na recepção da unidade de saúde. A informação foi confirmada ao G1 por telefone pelo diretor do hospital.

“Estamos hoje na Santa Casa de Maceió com 70 pacientes internados, 18 dos quais em Unidade de Terapia Intensiva, graves. Não temos mais leitos para dispor neste momento para saúde suplementar. A situação é muito grave. Pessoas e mais pessoas chegando na nossa emergência e a gente sem ter mais condições de atender a essa demanda, de admitir os que precisam de internamento. No máximo fazer o primeiro atendimento e encaminhá-los para outras instituições que também estão lotadas”, alertou o diretor da Santa Casa.

Na mensagem de áudio compartilhada no WhatsApp, o pneumologista faz um alerta sobre as comemorações das festas de fim de ano e reforça que as regras de segurança sanitária devem continuar sendo seguidas. O médico diz que é preciso continuar mantendo o distanciamento social, usando máscaras e higienizando as mãos com álcool em gel ou água e sabão.

“Está aí a campanha política, que para nós foi um marco importante nessa condição hoje que a gente se encontra, e certamente pode piorar muito agora nas festas de final de ano. Já falei uma vez: a gente tem que esperar a vacina para comemorar o Natal e o Ano novo de 2021. Esse ano, é muito perigoso esquecer essas medidas porque um de nós pode adoecer, adoecer gravemente, precisar de uma internação ou até mesmo morrer. Senão, um da nossa família, um pai, uma mãe, um filho. Pensem nisso. É muito arriscado adoecer agora. Nós não teremos vagas para todos”, lamenta o médico.
Uma reunião de emergência foi convocada para esta noite para avaliar a possibilidade de abertura de novos leitos na Santa Casa.

Lotação em hospitais particulares

Assim como a Santa Casa, outros hospitais particulares de Maceió também enfrentam dificuldades em manter leitos disponíveis para pacientes com suspeita ou confirmação de Covid-19. O Hospital do Coração é um deles, que continua com placa na porta informando que não há leitos disponíveis.

Já o Hospital Unimed suspendeu as cirurgias eletivas desde o início deste mês, para reservar leitos a pacientes com suspeita ou confirmação da doença provocada pelo coronavírus.

No Hospital Arthur Ramos dos 12 leitos de UTI, 11 estão ocupados. A unidade considera lotação máxima porque o leito vago é pediátrico. A assessoria informou também que dos 28 apartamentos destinados a pacientes com Covid-19, 25 estão ocupados.


Deixe uma resposta