Produção industrial é a que mais cresce em Alagoas no mês de agosto, diz Sefaz

Produção industrial é a que mais cresce em Alagoas no mês de agosto, diz Sefaz

A produção industrial em Alagoas avançou 20% no mês de agosto, na comparação com o mesmo período de 2019. O balanço econômico foi divulgado pela Secretaria de Estado da Fazenda de Alagoas (Sefaz-AL), na sexta-feira (11).

Dentro do setor, a atividade que mais avançou foi a de produtos químicos, que registrou um crescimento de 79%, seguida pelo de resinas (43%), bebidas (25%) e alimentos (34%).

Lojas de departamento registram alta de 65%

O segundo setor que mais cresceu, nesse comparativo, foi o de varejo, que avançou 19%. Mesmo com a pandemia do coronavírus, as lojas de departamentos registraram um crescimento de 65%, seguidos pelo comércio varejista de material de construção (50%), comércio de alimentos (31%), mercadorias (30%), hipermercados (30%) e supermercados (29%).

Por outro lado, o mês de agosto não foi muito bom para o setor de calçados, que recuou -11%. Outros segmentos também registraram queda, o de tecidos (-11%), e de artigos de armarinho (-11%).

Já a atividade de atacado teve aumento de 9% no seu total. O comércio atacadista diversificado cresceu 50%. Também contribuíram para o resultado do mês os segmentos de material de construção (43%), produtos químicos (18%), alimentos (16%), e bebidas (10%).

As atividades econômicas de atacado, varejo e indústria obtiveram um crescimento nominal, em conjunto, de 16% no mês de agosto em relação ao mesmo período de 2019.

Resultado por setores

  • Produção industrial – crescimento de 20%

  • Varejo – crescimento de 19%

  • Atacado – crescimento de 9%

  • Crescimento nominal, em conjunto, de 16%


Deixe uma resposta