PRF prende cinco pessoas em fiscalizações durante o final de semana em Alagoas

Foto: Arquivo/PRF

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu cinco pessoas durante o final de semana. Entre os crimes estão: embriaguez ao volante, dirigir sem carteira de habilitação e receptação de veículos. Os agentes ainda registraram dois casos de roubo: um de oito pneus de um caminhão e outro de uma carga de leite em pó.

A primeira ocorrência aconteceu por volta das 18 horas da sexta (26), no km 77 da BR 101, em Rio Largo. A equipe abordou um ciclomotor popularmente conhecido como cinquentinha, de cor preta, com apenas um ocupante. O motociclista concedeu o número de seu documento, já que não portava a carteira consigo. Ao vistoriar os sinais identificadores do veículo, foi constatado que os números do chassi e motor estavam adulterados.

Questionado sobre a origem do ciclomotor, o homem alegou ter comprado de uma mulher residente em Messias, pelo valor de R$700,00. Diante das informações, ele foi preso e encaminhado para a Central de Flagrantes da Polícia Civil em Maceió. O condutor responderá pelo crime de receptação de veículos.

Já na madrugada do sábado (27), por volta das 1h30 da manhã, a PRF foi acionada para uma ocorrência de roubo no km 194 da BR 101, em Junqueiro. O motorista de um caminhão declarou que estava dormindo na boleia do veículo quando foi abordado por três homens que quebraram o vidro do lado do passageiro. Ele foi levado como refém até uma pequena rua próxima à rodovia. Os ladrões levaram oito pneus. Ante o ocorrido, os policiais registraram ocorrência de roubo.

Por volta das 10h30, no km 121 da BR 316, em Cacimbinhas, a equipe abordou uma motocicleta Honda/CG, de cor vermelha. O motorista não possuía Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e transportava duas crianças na motocicleta de forma a não garantir-lhes a segurança, além de não estarem utilizando capacete. Diante das informações obtidas, foi lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), pelo crime de dirigir veículo automotor, em via pública, sem a devida permissão para dirigir gerando perigo de dano, após o homem se comprometer a comparecer em juízo quando solicitado.

Durante a tarde, por volta das 16 horas, os policiais realizavam uma fiscalização no km 84 da BR 316, em Santana do Ipanema, quando avistaram uma motocicleta Honda CG, de cor vermelha, na qual o motorista dirigia sem capacete. Foi dada a ordem de parada devido à infração de trânsito, porém, durante a abordagem, também foi constatado que o licenciamento do veículo estava atrasado. Ao ser submetido ao teste de alcoolemia, foi identificado um teor alcoólico de 0,77 mg/l. Diante dos fatos, a moto foi recolhida para o pátio da PRF em Arapiraca e o homem foi preso pelo crime de embriaguez ao volante.

Ainda nesta mesma fiscalização, os policiais abordaram uma motocicleta Honda Pop, de cor branca e sem placa. O motorista estava visivelmente embriagado e chegou a fazer ziguezagues na via, parecendo apresentar dificuldade para conduzir o veículo em linha reta. Durante a fiscalização constatou-se que a moto não havia sido devidamente registrada e que, portanto, também não estava licenciada.

Ao realizar o teste do etilômetro, este constatou um teor alcoólico de 1,24mg/l, confirmando o crime de embriaguez ao volante. Ele foi preso e encaminhado à Delegacia Regional de Polícia Civil. O veículo foi removido para o pátio da PRF em Arapiraca.

No domingo, por volta das 23h30, a equipe da PRF compareceu no km 163 da BR 101, em Campo Alegre, após receber uma denúncia de roubo de carga após desvio de itinerário. Ao localizar os veículos relacionados na ocorrência, que se encontravam em um posto de combustível desativado, os policiais iniciaram a averiguação da mercadoria. Já descarregadas do caminhão Scania, de cor branca, e do Volvo, de cor prata, foram recuperadas mais de 25 toneladas de leite em pó. A ação contou com a participação de três policiais militares e da equipe da Polícia Civil da Delegacia de Roubos e Furtos de Maceió. Como não foram encontrados nem o motorista, nem o vigilante do posto, foi confeccionado um Boletim de Ocorrência pelo crime de roubo


Deixe uma resposta