Prefeitura de Palmeira dos Índios e Hemoal fazem parceria para ajudar garoto Ryan

Garoto Ryan, de 8 anos de idade, sofre de leucemia aguda – Foto: Divulgação / Redes Sociais

A Prefeitura de Palmeira dos Índios, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) e em parceria com o Hemocentro de Alagoas (Hemoal), Unidade Arapiraca (Hemoar), promoverá um mutirão de doação de sangue para ajudar o garoto Ryan, de 8 anos de idade, que sofre de leucemia aguda.

Nesta quinta-feira (21), a partir das 7h, a Unidade Móvel Coletora do Hemoar estará em Palmeira dos Índios para realizar cerca de 80 coletas de sangue. A Unidade ficará instalada até às 17h, na Av. Deputado Medeiros Neto, em frente ao Hospital Regional Santa Rita.

O vice-prefeito e secretário da SMS Márcio Henrique falou da parceria do município com o Hemoar. “É um mutirão do bem. A prefeitura disponibilizará tendas, água, frutas, cadeiras para acomodar os doadores e almoço para a equipe de 19 profissionais do Hemoar. Neste primeiro momento, pretendemos realizar cerca de 80 coletas. Caso o número de doadores ultrapasse muito esta meta, veremos a possibilidade da Unidade Coletora vir outro dia ou de o município disponibilizar o transporte desses doadores para Arapiraca”, informou Márcio Henrique.

A supervisora do Hemoar Rosilene Oliveira falou como doar sangue para ajudar o garoto Ryan. “Quem tiver entre 16 e 69 anos de idade, pesar no mínimo 50 kg e portar um documento de identificação com foto pode ajudar o Ryan. No entanto, é necessário estar acompanhado dos pais, caso seja menor de 18 anos. Ficam impedidos aqueles que tenham contraído doença de Chagas, Aids, sífilis e hepatite após os 11 anos. No caso das mulheres, são impedidas as que estiverem grávidas e amamentando”, finalizou a supervisora Rosilene.


Deixe uma resposta