Pré-candidata fica ferida e marido morre após atentado em Paulo Jacinto

Pré-candidata fica ferida e homem morre após sofrer atentado em Paulo Jacinto

Um homem foi morto e uma mulher foi baleada em Paulo Jacinto. O crime ocorreu na noite desta quinta-feira (4), em frente a uma organização não governamental (ONG) que cuida de animais.

O homem que morreu é José Adilson da Silva, de 24 anos. A identidade dele foi confirmada pelo Instituto de Medicina Legal. Já a mulher ferida é Lerida Lobo Gomes Vitorino, de 49 anos, pré-candidata a deputada Federal. Ela foi encaminhada para o Hospital Geral do Estado, em Maceió, onde permanece internada.

De acordo com o boletim do HGE, Lerida foi submetida ao procedimento cirúrgico no braço direito, devido ao ferimento causado por arma de fogo, seu quadro de saúde é considerado estável.

De acordo com a Polícia Civil, José Adilson e Lerida Lobo foram baleados quando saiam da ONG que ela é presidente. A polícia ainda não divulgou informações sobre o que teria motivado o crime.

A Polícia Civil informou que o caso já começou a ser apurado pela Gerência de Inteligência Policial, e que o delegado Thales Araújo foi designado para comandar as investigações em caráter especial. Testemunhas informaram à polícia que após o crime os atiradores fugiram tomando destino ignorado.


Deixe uma resposta