Policial militar comete suicídio em Palmeira dos Índios

Helder Oliveira

O Cabo da Polícia Militar Helder Oliveira, 37 anos, cometeu suicídio no início da tarde desta terça-feira (13), ele residia na Rua: George Morais, no bairro Juca Sampaio em Palmeira dos Índios.

A vítima saiu do 10º Batalhão de Polícia Militar e foi para sua residência, onde cometeu suicídio com um disparo de arma de fogo.

Hélder era filho do ex-gerente da casal em Palmeira dos Índios, Oliveira da Casal e sobrinho do radialista Antônio Oliveira.

Em nome do Grupo Gileno Sampaio de Comunicação, nossos sentimentos e muita força a toda família Oliveira nesse momento de dor.


  • Muito triste! Setembro Amarelo, Outubro Rosa, Novembro Azul! O ano tem 365 dias (ou 366). Não é o bastante um mês para direcionar ações. Mal terminou o mês de Setembro e dois suicídios já ocorreram em Palmeira dos Índios. Por que eles desistiram da vida? Com certeza havia algo que os afligia e que tornou-se insuportável , chegando ao limite de suas forças. “Quem vê cara não vê coração!” Ninguém conhece o outro nem sabe de suas dores, até porque ninguém conhece a si mesmo, nem sabe o que seria capaz de fazer em situações extremas. Que as famílias sejam apoiadas e acalentadas nessa hora, sem perguntas e sem julgamentos.

  • Deus conforte o coração de toda família. Meu amigo, e conterrâneo e colega de trabalho Oliveira. Antônio Oliveira também amigo e conterrâneo um grande abraço. Força!

  • Deus conforte o coração de toda família. Meu amigo, conterrâneo e colega de trabalho Oliveira e Antônio Oliveira também amigo e conterrâneo um abraço. Força!

Deixe uma resposta