PC prende suspeito de homicídio foragido de Alagoas há 17 anos

PC prende suspeito de homicídio foragido de Alagoas há 17 anos

Policiais civis da Delegacia Regional de Delmiro Gouveia (1ª DRP) e da Gerência de Polícia Judiciária da Região (GPJ-4) realizaram investigação que levou à prisão de um homem foragido há 17 anos da Polícia Civil e do Poder Judiciário do Estado de Alagoas.

O suspeito pelo homicídio que matou Pedro Lourenço da Silva, conhecido como “Pedro Curador”, a golpes de faca, no dia 13 de março de 2003, em Delmiro, estava residindo no município de Belo Horizonte, em Minas Gerais.

Atualmente com 72 anos e após passar 17 anos foragido, o suspeito foi identificado e localizado através de um trabalho de inteligência da Polícia Civil de Alagoas desenvolvido na Delegacia Regional de Delmiro Gouveia e coordenado pelos delegados Daniel Mayer, titular da 1ª DRP, Carlos Reis, gerente da Gerência de Polícia Judiciária da Área 4 (DPPJ-4), e pelo Chefe de Inteligência da 1ª DRP, agente Cyro Jorge.

A prisão aconteceu após troca de informações entre a Inteligência do Alto Sertão, da Polícia Civil de Alagoas, e Delegacia Especializada Antissequestro da Polícia Civil de Minas Gerais.

O acusado foi localizado e preso no município de Belo Horizonte (MG) e está à disposição da Justiça alagoana.

O delegado regional de Delmiro Gouveia enalteceu o apoio do delegado-geral Paulo Cerqueira, e do gerente do DPJ-4, Carlos Reis, pois ambos têm proporcionado e incentivado o desenvolvimento de ações de combate à criminalidade no Alto Sertão de Alagoas.


Deixe uma resposta