Palmeira dos Índios anuncia terceira dose para profissionais da Saúde

Palmeira dos Índios anuncia terceira dose para profissionais da Saúde

A Prefeitura de Palmeira dos Índios e a Secretaria de Saúde informam que amanhã (5) iniciam a dose de reforço dos trabalhadores da Saúde do município. Para tomar a dose é necessário o profissional ter tomado a 2ª dose ou dose única há 6 meses (180 dias).

São considerados trabalhadores da saúde os indivíduos que trabalham em estabelecimentos de Assistência à Saúde, Vigilância em Saúde, Regulação da Saúde e Gestão da Saúde. Além dos trabalhadores vinculados às 14 categorias de profissionais saúde, conforme Resolução CNS nº 287, de 08/10/1998 (médicos, enfermeiros, nutricionistas, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, biólogos, biomédicos, farmacêuticos, odontólogos, fonoaudiólogos, psicólogos, assistentes sociais, profissionais de educação física e veterinários), são abrangidos os respectivos técnicos e auxiliares de tais profissionais, os agentes comunitários de saúde, os agentes de combate às endemias, os demais profissionais da vigilância em saúde e os trabalhadores de apoio (recepcionistas, seguranças, trabalhadores de serviços gerais, motoristas, gestores, entre outros).

Funcionários de serviços funerários e cemitérios, além dos trabalhadores de Instituto Médico Legal (IML) e Serviço de Verificação de Óbitos (SVO) também compõem o grupo de trabalhadores da saúde, devido à exposição a cadáver potencialmente contaminado. Acadêmicos em saúde e estudantes da área técnica em saúde em estágio curricular obrigatório em hospitais, na atenção básica, em clínicas, em ambulatórios e em laboratórios clínicos também compõem o grupo de trabalhadores da saúde.

Além dos documentos pessoais e o cartão de vacinação da Covid-19, para fins de comprovação documental para tomar a dose de reforço, será adotado os seguintes regramentos:

  • Trabalhadores vinculados a serviços de saúde: apresentar documento que comprove o vínculo ativo, como contracheque, CTPS ou declaração emitida por diretor geral, diretor médico ou responsável técnico;

  • Trabalhadores autônomos, inclusive parteiras: Seguindo recomendação do Ministério Público Estadual de Alagoas e Ministério Público Federal em Alagoas, para fins de comprovação como trabalhador da saúde, os profissionais autônomos, além da comprovação de vínculo ativo com o respectivo conselho de classe, devem apresentar documentos que efetivamente comprovem o exercício da atividade profissional, tais como: i. Documentação comprobatória da condição de Microempreendedor Individual (MEI); ii. Conta de energia de imóvel comercial em seu nome ou em nome de sua empresa; iii. Auto declaração de efetivo exercício da atividade profissional na área da Saúde (modelo em anexo), acompanhada de 03 (três) contratos de prestação de serviço ou de 03 (três) declarações de pacientes, notas fiscais ou contratos de vinculação a planos de saúde privados.

  • No caso de Doula, deverá ser apresentado documento que comprove sua associação junto à Associação de Doulas de Alagoas (ADOAL).

  • Trabalhadores de serviços funerários e cemitérios privados: apresentar documento que comprove o vínculo ativo, como CTPS.

  • Para os trabalhadores de cemitérios públicos podem ser solicitadas listas/documentos do órgão municipal responsável pela gestão dos cemitérios públicos.

O local da vacina para os profissionais da Saúde será na Central de Vacinação Covid-19, no antigo ginásio do Colégio Superação, de segunda a sexta, das 8h às 14h.


Deixe uma resposta