Morre aos 78 anos o desembargador e ex-presidente do TJ-AL Orlando Manso

Desembargador e ex-presidente do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ-AL) e do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AL), Orlando Monteiro Cavalcanti Manso, morreu em Maceió — Foto: Divulgação

O desembargador aposentado e ex-presidente do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ-AL) e do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AL), Orlando Monteiro Cavalcanti Manso, morreu aos 78 anos na manhã desta segunda-feira (13) em Maceió.

O ex-presidente do TJ estava internado em um hospital particular da capital para tratamento de saúde. A causa da morte não foi informada.

Manso estava aposentado desde dezembro de 2012, quando completou 44 anos de magistratura em Alagoas, sendo 25 anos como desembargador. Em 1999, ele presidiu o TJ e, em 2011, foi eleito presidente do TRE.

O desembargador era casado com a juíza Maria Esther Manso, titular da 16ª Vara Cível da Capital Fazenda Estadual e desembargadora eleitoral substituta do TRE-AL.

Por meio de nota, a Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Alagoas (OAB-AL) lamentou o seu falecimento.


Deixe uma resposta