Hemoal lança campanha de doação de sangue para abastecer estoque durante as festas de fim de ano

Foto: Fabiana Assis

O Hemocentro de Alagoas (Hemoal) inicia, nesta segunda-feira (21), a campanha “Doe sangue e seja o amigo secreto de alguém neste Natal”. O objetivo é formar um estoque estratégico para atender a demanda de transfusões nas maternidades e hospitais neste fim do ano. Os doadores receberão camisa confeccionada para homenageá-los.

Veja locais para doação de sangue

Maceió

  • Unidade Trapiche: ao lado do Hospital Geral do Estado (HGE) – até as 16h de quinta-feira (24)

  • Unidade Farol: Hospital Veredas – até às 11h da quarta-feira (23)

Arapiraca

  • Unidade Arapiraca: Laboratório Municipal, na Rua Desportista Ernesto Alves Siqueira, Centro – até às 17h30 da quarta-feira (23).

Segundo a gerente do Hemoal, médica Verônica Guedes, as doações de sangue caíram nos últimos dias e o órgão dispõe, somente, de 30% do estoque necessário para atender a demanda das maternidades e hospitais. Por outro lado, as transfusões aumentaram, principalmente em razão do crescimento da ocupação de leitos exclusivos para a Covid-19.

“Infelizmente as pessoas não estão seguindo as recomendações dos infectologistas. Com isso, além de saírem de casa sem necessidade, se aglomeram, deixam de usar máscara, resultando no aumento de casos de Covid-19, no crescimento da ocupação de leitos e, consequentemente, na necessidade de sangue para alguns pacientes. Sem falar, das vítimas do trânsito, porque, com mais pessoas nas ruas e rodovias, mais acidentes ocorrem e lotam as urgências e emergências, como o HGE, em Maceió, e o Hospital de Emergência do Agreste, em Arapiraca”, salientou Verônica Guedes.

Critérios para doação

Os interessados em se candidatar à doação de sangue:

  • Devem ter peso igual ou superior a 50 quilos

  • Mínimo 16 anos de idade

  • Comparecerem ao posto de coleta portando um documento de identificação com foto. Com relação aos menores de 18 anos, é exigido estar acompanhado dos pais e portando um documento de identificação oficial e original dos responsáveis.

De acordo com portaria expedida pelo Ministério da Saúde (MS), ficam impedidas de se candidatar à doação de sangue, as pessoas que tenham contraído hepatite após os 11 anos de idade, além de sífilis, Aids e doença de Chagas. No caso das gestantes e lactantes, é proibida a doação e, para repetir o ato, os homens devem respeitar um intervalo de dois meses e as mulheres ficam impedidas durante três meses.

Novo coronavírus– Quanto aos voluntários infectados pelo novo coronavírus, há impedimento de doar sangue pelo período de 30 dias, contados após a recuperação. Já os que tiveram apenas contato com pessoas infectadas, devem aguardar 14 dias e, caso não apresentem sintomas da Covid-19, podem se dirigir até o Hemoal.


Deixe uma resposta