Governo publica substituições de secretários de Alagoas

Governo publica substituições de secretários de Alagoas

O governo de Alagoas publicou as substituições de diversos secretários de Estado em edição suplementar do Diário Oficial do Estado na noite de sexta-feira (1), véspera da data limite para quem vai disputar algum cargo nas eleições 2022.

A Lei de Inelegibilidades, de 1990, define que os secretários que desejam se candidatar precisam deixar os cargos até seis meses antes do primeiro turno – a ideia é evitar que eles usem os cargos para obter vantagem eleitoral. Em 2022, esse prazo termina neste sábado (2).

Além de exonerações das secretarias de primeiro escalão, como Educação, Saúde e Infraestrutura, também foi promovida mudança na Procuradoria-Geral. Alguns dos novos titulares assumem os cargos interinamente.

Veja quem entra e quem sai das secretarias de Estado:

Secretaria de Estado da Comunicação (Secom)

  • Sai Enio Lins

  • Entra Joaldo Cavalcante

Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur)

  • Sai Marcius Beltrão

Secretaria de Estado da Educação (Seduc)

  • Sai Rafael Brito

  • Assume interinamente José Marcio Augusto de Oliveira, que até então era secretário-executivo

Secretaria de Estado da Assistência e Desenvolvimento Social (Seades)

  • Sai Fabiana Pessoa

  • Entra Paulo Ferreira Netto

Secretaria de Estado da Infraestrutura (Seinfra)

  • Sai Maurício Quintella

  • Entra Fernando Fortes Melro Filho

Secretaria de Estado da Saúde (Sesau)

  • Sai Alexandre Ayres

  • Entra interinamente André Luiz Avila Cabral

Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh)

  • Sai Fernando Pereira (exoneração publicada em edição anterior do DOE)

  • Assume interinamente Pedro Lucas Cosmo de Brito, que até então era secretário-executivo

Procuradoria-Geral do Estado (PGE)

  • Sai Samya Suruagy do Amaral Barros Pacheco

  • Entra Francisco Malaquias de Almeida Júnior


Deixe uma resposta