82 99641-3231 (pedido musical)

82 99947-6977 (jornalismo)

Brasil se torna o maior mercado da Heineken

Foto: Paulo Whitaker/Reuters

O Brasil se tornou o maior mercado da marca de cerveja Heineken, segundo divulgou nesta quarta-feira (12/02) a empresa. A fabricante de bebidas holandesa reportou um crescimento de 4,1% no volume de vendas globais no 4º trimestre, com os aumentos mais fortes no Brasil, Vietnã e Camboja.

“O Brasil é agora o maior mercado mundial da Heineken e, com a adição do Reino Unido e da Nigéria, agora 12 mercados vendem mais de 1 milhão de hectolitros da marca [100 milhões de litros]”, informou a empresa em comunicado, ao reportar números do último trimestre de 2019.

Segundo a companhia, considerando somente a marca Heineken, o crescimento do volume de vendas nos 3 últimos meses do ano chegou a 12%, acumulando uma alta de 8,3% em 2019, o melhor resultado em uma década.

“A marca cresceu em todas as regiões com crescimento de dois dígitos em mais de 40 mercados, incluindo Brasil, México, África do Sul, Nigéria, Reino Unido, Romênia e Alemanha”, informou a empresa em seu balanço. A maior alta regional foi nas Américas, com avanço de 16,2%.

A Heineken, segunda maior cervejaria do mundo, registrou um crescimento de 13% no lucro líquido em 2019, na comparação com o ano anterior, para 2,16 bilhões de euros.

Além da cerveja Heineken, a companhia destacou o “forte crescimento” das vendas da marca Amstel no Brasil e em países como México, Rússia, África do Sul e Reino Unido.

A empresa não divulgou números específicos sobre a operação no Brasil. Informou apenas que o volume de cerveja no país cresceu meio dígito em 2019, “com o quarto trimestre crescendo dois dígitos”.

A Heineken adquiriu as operações deficitárias brasileiras da japonesa Kirin em 2017, se tornando desde então a segunda maior cervejaria do país, atrás da Ambev.


​Papa Francisco rejeita proposta de ordenação de homens casados como padres na Amazônia

O Papa Francisco no Vaticano, em foto de 24 de abril — Foto: Reuters/Yara Nardi

O Papa Francisco descartou, nesta quarta-feira (12/02), a possibilidade de ordenação de homens casados como padres na região amazônica. Ele também rejeitou a ordenação feminina. Ambas as medidas haviam sido propostas no sínodo da Amazônia, no ano passado, que ocorreu no Vaticano.

A possibilidade de ordenar homens casados havia sido aprovada, por 128 votos a 41, durante o encontro, mas não agradou a alguns membros da Igreja, que temiam que isso pudesse levar a uma mudança no compromisso secular de celibato entre os padres, diz a Reuters.

Mas a proposta não é nem mencionada no texto, de 32 páginas, que foi publicado nesta quarta sobre o encontro, sob o nome de “Exortação Apostólica Pós-Sinodal Querida Amazônia”. Uma exortação apostólica serve para instruir e encorajar os fiéis católicos, mas não define a doutrina da Igreja.

No texto, em vez de falar da possibilidade de ordenação para homens casados, o pontífice diz que novas maneiras devem ser encontradas para incentivar mais padres a trabalharem na região remota e permitir papéis maiores para leigos e diáconos permanentes, assim como para mulheres.

Homens casados podem se tornar diáconos, que, como padres, são ministros ordenados. Eles podem pregar, ensinar, batizar e administrar paróquias, mas não rezar a missa. Por causa disso, em ao menos 85% das aldeias amazônicas as pessoas não podem participar da liturgia todas as semanas — e algumas não o fazem há anos, segundo a Reuters.

“Essa necessidade urgente me leva a exortar todos os bispos, especialmente os da América Latina (…), a serem mais generosos em incentivar aqueles que demonstram uma vocação missionária a optar pela região amazônica”, escreveu Francisco.

O pontífice destacou a “força e dádiva” das mulheres, mas descartou a ordenação feminina. Uma comissão de estudo da Igreja, criada em 2016, havia debatido a possibilidade do diaconato feminino, mas a questão não foi decidida. O sínodo da Amazônia propôs a ordenação de mulheres como diáconas.

“Por séculos, mulheres mantiveram a Igreja nesses lugares [na região da Amazônia] por meio de sua devoção notável e fé profunda. Isso nos convoca a ampliar nossa visão, para não restringirmos nosso entendimento da Igreja a suas estruturas funcionais. Tal reducionismo nos levaria a acreditar que as mulheres receberiam maior status e participação na Igreja somente se fossem admitidas nas Ordens Sagradas”, disse Francisco.

“Isso nos levaria a clericalizar as mulheres, diminuir o grande valor do que elas já realizaram e, sutilmente, tornar sua contribuição indispensável menos eficaz. As mulheres contribuem para a Igreja de uma maneira que é adequadamente sua, ao tornar presente a tenra força de Maria, a Mãe”, acrescentou o pontífice.


China tem mais de mil mortes por coronavírus e casos confirmados chegam a 42,6 mil

China tem mais de mil mortes por coronavírus 

A Província de Hubei, na China, confirmou mais 103 mortes por causa do novo coronavírus nesta segunda-feira (10). Na província fica a cidade de Wuhan, epicentro da epidemia, e somente nesta localidade o balanço aponta 67 mortes. Com a atualização dos dados, o total de mortes chega na China chega a 1.016.

A província confirmou ainda outros 2.097 casos de pessoas infectadas pelo vírus. O total de casos confirmados no país sobe para 42.638.

Destaques do surto nesta segunda

  • Número de mortes na China passa de mil

  • Casos confirmados chegam a 42,6 mil

  • No Brasil, nenhum caso foi confirmado e há sete suspeitos

  • Governo brasileiro destina R$ 11,2 milhões para combate ao coronavírus

  • Boletim diz que repatriados estão sem sintomas

  • No Japão, cruzeiro tem 135 pessoas infectadas; brasileiro relata clima tenso

Riscos no Brasil

O Ministério da Saúde informou nesta segunda que sete casos suspeitos de novo coronavírus são investigados no Brasil. Desde o começo dos alertas, o Brasil já descartou 32 casos suspeitos. Nenhum foi confirmado.

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, reafirmou nesta segunda que o mais provável é que a circulação do vírus ocorra no Brasil. Ele avalia que a China atualmente mantém uma forte contenção da circulação das pessoas nas áreas mais afetadas pela epidemia, mas que talvez essa não seja uma estratégia “viável” a longo prazo.

“Falam em 85% de contenção da circulação de pessoas. Mas isso não é viável por muito tempo. Até quando isso vai se sustentar, está muito cedo para dizer. É possível que vá chegar no Brasil. E é provável.” – Mandetta, ministro da Saúde

Brasil vence a Argentina e garante vaga nos Jogos Olímpicos de Tóquio

Resultado de imagem para Brasil vence a Argentina e garante vaga nos Jogos Olímpicos de Tóquio
Brasil vence a Argentina e garante vaga nos Jogos Olímpicos de Tóquio

Na hora da verdade, quando era tudo ou nada, o Brasil mostrou, enfim, seu melhor futebol no Torneio Pré-Olímpico e garantiu a classificação para buscar o bicampeonato nos Jogos de Tóquio-2020. Com dois gols de Matheus Cunha e um de Paulinho, a seleção sub-23 venceu a Argentina com autoridade, por 3 a 0, em Bucaramanga, na Colômbia, ficando com o segundo lugar da competição. A Argentina, que já entrou em campo garantida em Tóquio, foi a campeã do Pré-Olímpico. E o Uruguai, que no primeiro jogo da noite venceu a Colômbia, acabou fora da Olimpíada – a equipe Celeste dependia de um tropeço do Brasil para se classificar.

Além de Brasil e Argentina, os representantes da Conmebol, outras 12 seleções já estão classificadas para o torneio de futebol masculino das Olimpíadas: Japão (anfitrião), França, Alemanha, Espanha, Romênia (representando a Europa), Nova Zelândia (da Oceania), Egito, Costa do Marim e África do Sul (representando a África), Arábia Saudita, Coreia do Sul e Austrália (representando a Ásia). Faltam apenas duas vagas para completar os 16 países participantes, que virão do Pré-Olímpico da Concacaf, no fim de março.

PRIMEIRO TEMPO PERFEITO

A primeira etapa não poderia ser melhor para o Brasil. A nova formação ofensiva deu a mobilidade que faltou nos últimos jogos, e a seleção brasileira conseguiu envolver a marcação argentina. Logo aos 12 minutos, Paulinho lançou Pedrinho, que dominou no peito e tocou no canto direito para fazer 1 a 0. Já classificada, a Argentina pouco ameçava o gol de Ivan. Já o Brasil manteve o bom ritmo, e chegou ao segundo gol aos 29, aproveitando falha incrível do zagueiro Nehuén Pérez, que tentou um recuo de cabeça da intermediária. Matheus Cunha ganhou na velocidade, deu um balão no goleiro Cambeses e teve o chute interceptado em cima da linha por Pérez. Mas a bola sobrou para o próprio Cunha empurrar para o gol vazio.

DOMÍNIO MANTIDO NO SEGUNDO TEMPO

O maior mérito do Brasil no segundo tempo foi não se acomodar com a vantagem. E antes mesmo que a Argentina esboçasse uma reação, o terceiro gol confirmou que a noite era brasileira. Com inteligência, Guga cobrou um lateral no campo de defesa diretamente para Matheus Cunha no ataque. O camisa 9 tocou para Reinier na área, recebeu de volta e marcou com um chute cruzado.


Teremos “Superlua” na noite desse domingo (9)

Resultado de imagem para superlua
Teremos “Superlua” na noite desse domingo (9)

A Lua será a grande estrela no céu neste domingo (9). Nosso único satélite natural estará em seu ponto mais próximo da Terra e em sua fase mais luminosa: a da Lua cheia. A essa coincidência, os astrônomos dão o nome de Superlua.

A distância média entre a Lua e a Terra é de cerca de 384 mil quilômetros (km). No entanto, por se tratar de uma órbita oval, essa distância pode variar de 400 mil km, quando mais distante, até cerca de 360 mil km, nos períodos de maior proximidade.

“A Superlua é um evento decorrente da coincidência de dois fatos astronômicos. O primeiro é que a Lua não gira em torno da Terra em formato de circunferência, mas em uma órbita um pouquinho achatada. Então, ela tem de estar no ponto mais próximo da Terra, que chamamos de perigeu e, ao mesmo tempo, na fase cheia”, explica o coordenador do projeto Astro&Física do Instituto Federal de Santa Catarina e doutor em física pela Universidade Federal de Santa Catarina, professor Marcelo Schappo.

Segundo ele, dependendo da regra usada para cada observatório considerar coincidente o perigeu e a lua cheia, é possível haver alguma divergência sobre o momento exato da Superlua. “Trata-se de uma janela arbitrária, mas no fundo são luas cheias sempre muito bonitas. Vale a pena a observação”, ressalta o físico ao sugerir a observação em todas as datas.

Schappo explica que, devido a essa divergência, alguns observatórios não consideram o 9 de fevereiro como a primeira Superlua do ano. É o caso do Observatório de Lisboa (Portugal), que devido à localização, considera a lua do dia 9 de março como a primeira Superlua do ano.

“Para outros observatórios, a Superlua ocorrerá [em algum momento] entre os dias 7 e 8 de abril, dependendo do horário da observação. Há ainda os que apontam o 7 de maio”, acrescentou.

Já o observatório do Valongo, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), considera Superluas apenas as que ocorrerão nos dias 9 de março e 7 de maio.


Aviões que trazem brasileiros da China devem chegar às 3 horas da manhã desde domingo (09)

Aviões que trazem brasileiros da China devem chegar às 3 horas da manhã desde domingo (09)

Os dois aviões da Força Aérea Brasileira (FAB) que trazem os brasileiros de Wuhan, na China, epicentro do surto mundial do coronavírus, e cidadãos de outros países têm previsão de pouso na Base Aérea de Anápolis, em Goiás, às 3h deste domingo (9). A informação foi divulgada há pouco pelo Ministério da Defesa no Twitter.

A Base Aérea de Anápolis está pronta para receber os brasileiros. Os repatriados deverão permanecer em quarentena por 18 dias, no hotel de trânsito da Força Aérea, que foi especialmente preparado para essa operação.

No início da noite desta sexta-feira, as duas aeronaves decolaram de Wuhan, na China, com os 34 resgatados a bordo. Há quatro escalas técnicas de reabastecimento: em Ürumqi, na China, Varsóvia, na Polônia, Las Palmas, na Espanha, e já no Brasil, em Fortaleza. Em Varsóvia, devem desembarcar quatro cidadãos poloneses, um indiano e uma chinesa. Na quinta-feira (6), o presidente Jair Bolsonaro autorizou a carona para cidadãos de outros países amigos que a solicitassem.

Os cidadãos resgatados ficarão em apartamentos individuais ou, no caso dos que são pais ou mães de crianças menores, poderão ficar no mesmo quarto. O grupo inclui crianças de 2 e 3 anos e outras de 7 a 12 anos. As visitas estão proibidas.


Redes sociais


Whatsapp: 82 99641-3231

Contato


Rua José e Maria Passos, nº 25 - Centro - Palmeira dos Índios - AL.

Tel: (82) 99641-3231

© 2020 RÁDIO SAMPAIO - Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Interactive MOnkey