Deputado Antônio Albuquerque protesta contra método de prevenção à Covid-19

Deputado é condenado por usar cheques da ALE para obter R$1 milhão ...
Deputado Antônio Albuquerque

O Deputado Antônio Albuquerque (PTB) durante protesto na porta do seu prédio na manhã desta sexta-feira algumas medidas adotadas pelo Governador Renan Filho e pelo Prefeito de Maceió, Rui Palmeira na prevenção ao coronavírus, como proibição de estacionamento de veículos na orla de Maceió e chamou o momento e as medidas tomadas pelo Governador de ‘ditadura ridícula’.

Em vídeos que circulam nas redes sociais, Albuquerque protesta contra o decreto governamental que proíbe caminhadas na orla e que moradores da região possam estacionar seus veículos nas ruas que beiram as praias da capital.

Em um dos vídeos é possível ouvir o deputado dizer, aos gritos, que “isso é uma pouca vergonha. Estão querendo dizer que um homem respirando a própria saliva está melhor do que respirando ar puro? Isso é ridículo. Isso é uma covardia e a população aceitando calada, acovardada. Isso é uma vergonha”.

O discurso do Deputado, que aconteceu em frente a um edifício residencial , foi acompanhado por populares que estavam nas sacadas, por policiais militares e agentes da SMTT que faziam a fiscalização na orla, e assistiram de perto o desabafo de Antônio Albuquerque que classificou o momento como “ditadura” e disse que estava cansado de ser perseguido por um “estado de covardes”, segundo ele.

Revoltado, Albuquerque pediu ainda que o titular da SMTT, Antônio Moura, voltasse a ligar sirenes na frente de seu prédio, porque o deputado saberia como desmanchá-la.

Vale lembrar que Antônio Albuquerque foi contaminado e testou positivo para a Covid-19. O deputado chegou a ser aplaudido pelos vizinhos.


Deixe uma resposta