CRB vence o ASA nos pênaltis e vai decidir o campeonato contra o CSA

Felipe Menezes converte o último pênalti do CRB e comemora a classificação contra o ASA (Foto: Ailton Cruz/Gazeta de Alagoas)

O CRB pressionou o jogo todo no Rei Pelé. Criou seis chances claras de gol, mas parou numa atuação impressionante do goleiro Deola. Na semifinal do Alagoano, o ASA jogou fechadinho nesta segunda, teve só uma oportunidade e comemorou o empate sem gols no tempo normal.

Nos pênaltis, quem brilhou foi o goleiro do Galo. Victor Souza defendeu duas cobranças, uma ainda foi na trave, e o CRB venceu por 3 a 1. Felipe Menezes converteu a última penalidade. Assim, o Galo garantiu a vaga na finalíssima do estadual, marcada para quarta, contra o CSA, no Rei Pelé.

Como foi?

O CRB converteu três pênaltis, com Léo Gamalho, João Carlos e Felipe Menezes. Gum acertou a trave, e Erik parou numa defesa de Deola. O ASA só marcou na primeira cobrança, com Leandro Cearense. Depois, o goleiro Victor Souza pegou as cobranças de Alyson e Martony. Eberson acertou o poste.

Azulão é finalista

O CSA matou a semifinal no segundo tempo e garantiu vaga na decisão do Alagoano. Depois de um primeiro tempo ruim, o Azulão evoluiu na etapa final, criou chances e goleou o Murici por 4 a 0, no Rei Pelé. O meia Nadson entrou no intervalo e teve papel importante na partida desta segunda. Pimpão, com dois gols, também merece destaque. Os outros gols foram marcados por Joaquim (contra) e Luciano Castán.

O meia Nadson mostrou no segundo tempo que vai brigar por espaço no time. Ele fez o CSA ficar muito mais incisivo e abriu espaço para o ataque funcionar. Deu uma bela assistência para Pimpão, entrou na área, se movimentou e ainda causou a expulsão do zagueiro Adalton, que fez uma falta duríssima no meia aos 33 do segundo tempo e recebeu o cartão vermelho.

Finalíssima

A decisão do Alagoano entre CRB e CSA vai ser disputada na próxima quarta, em jogo único, no Rei Pelé. O horário ainda não foi confirmado pela federação. Empate no clássico leva a disputa do título para os pênaltis. Na preliminar, ASA e Murici decidem à tarde o terceiro lugar do estadual.


Deixe uma resposta