Campeonato alagoano volta nesta quarta, com jogos sem torcida e protocolo de segurança

CSE x CRB, em Palmeira – Foto: Ailton Cruz

A bola volta a rolar nesta quarta-feira pelo Campeonato Alagoano. O último jogo foi disputado em 14 de março, a competição ficou ameaçada, mas vai terminar em campo.

Depois de quatro meses de paralisação, o estadual retorna com três jogos pela sequência da sexta rodada. Com o protocolo sanitário no combate a Covid-19, as partidas serão de portões fechados, sem a presença do público.

Nesta quarta, os duelos ASA x CSA, CRB x Coruripe e Jaciobá x CEO serão disputados à tarde, no mesmo horário, às 16h.

Na última sexta-feira, os dirigentes dos clubes se reuniram com a Federação Alagoana de Futebol, no auditório do Estádio Rei Pelé, e definiram as datas para a sequência do estadual.

Os quatros primeiros colocados avançam de fase e, na sequência, se enfrentam em cruzamento olímpico 1º x 4º e 2º x 3º.

Ficou acertado também que as semifinais e a finalíssima serão em jogo único, no Rei Pelé. Empate leva a decisão para os pênaltis.

  • 6ª Rodada – 29/07

  • 7ª Rodada – 31/07

  • Semifinais – 03/08

  • Final – 05/08

Mudanças no regulamento

Na reunião, ficaram definidas algumas mudanças no regulamento. Não haverá, por exemplo, mais rebaixamento neste ano. Outro ponto acordado será a possibilidade de cinco substituições de atletas por equipe durante as partidas. Os times também reiniciam a competição com cartões zerados.

Estádios

Os jogos da 6ª e 7ª rodadas serão nos estádios dos clubes mandantes. Assim, as partidas estão marcadas para o Rei Pelé, em Maceió, o Coaracy da Mata Fonseca, em Arapiraca, o Juca Sampaio, em Palmeira dos Índios, o Edson Matias, em Olho d’Água das Flores, e o Gerson Amaral, em Coruripe.

Vale destacar que todos os estádios que irão sediar jogos na retomada do Campeonato Alagoano passaram por um processo de sanitização.

Estádio Juca Sampaio, em Palmeira dos Índios – Foto: Ailton Cruz

Juca Sampaio

O Estádio Juca Sampaio, em Palmeira dos Índios, é sede dos jogos do CSE, mas também vai sediar o Jaciobá, que não pode jogar em Pão de Açúcar porque o Estádio Elisão não foi liberado.

Com capacidade para sete mil pessoas, a casa do Tricolor já vai receber uma partida nesta quarta: o duelo sertanejo entre Jaciobá e CEO.

CSE

Sob o comando do técnico Jaelson Marcelino, o elenco tricolor voltou ao trabalho no dia 16 de julho. O grupo foi remontado e ganhou reforços de atletas da região de Palmeira dos Índios.

Também apostou em caras conhecidas do futebol alagoano. O zagueiro Audálio, ex-CRB, vai vestir a camisa tricolor. Outras novidades são o volante camaronês Prosper Koffi, que estava no Globo/RN, e o meia Everlan, ex-Murici e CEO.

Situação na tabela: o CSE soma sete pontos, está na quarta colocação do estadual e tem apenas um jogo a cumprir na primeira fase, contra o ASA, em Palmeira dos Índios.


Deixe uma resposta