Caixa alerta que não está enviando e-mails com pedido de atualização de assinatura eletrônica

Caixa alerta que não está enviando e-mails com pedido de atualização de assinatura eletrônica – Foto: Agência Alagoas

A Caixa Econômica Federal alerta os beneficiários do Auxílio Emergencial que não está enviando emails solicitando atualização eletrônica que algumas pessoas estão recebendo.

Segundo o texto do e-mail, o procedimento seria obrigatório e motivado pela pandemia de coronavírus. A Caixa alerta que a informação é falsa. Em nota, o banco disse que não envia e-mails ou mensagens pedindo informações, nem realiza ligações para os cidadãos.

O email que as pessaos estão recebendo diz o seguinte: “Devido ao isolamento social pelo surto do novo coronavírus, a Caixa Econômica Federal solicita uma atualização obrigatória da sua Assinatura Eletrônica. Para confirmar utilize abaixo o botão CONFIRMAR e efetue a validação”.

A Caixa pede aos clientes para não clicarem nos links enviados em nome da instituição. “Qualquer tentativa de contato com o cidadão caracteriza-se como uma tentativa de fraude e deve ser desconsiderada, bloqueada e reportada aos órgãos fiscalizadores competentes”, diz a nota.

Segundo a Caixa, ela, órgãos do Governo, Polícia Federal e lojas de aplicativos estão monitorando e bloqueando os serviços falsos, criados com o intuito de causar danos ou golpes à população. De acordo com dados repassados pelo banco, 60 sites e aplicativos fraudulentos foram desativados em pouco menos de um mês.

A orientação é que o cidadão fique atento aos aplicativos e serviços oferecidos em meios não oficiais sobre o Auxílio Emergencial e a pandemia do coronavírus, sobre registro para receber vacinação e itens de proteção, como máscaras e álcool em gel, e até mesmo sobre o agendamento para testes de Covid-19.

“É muito importante que os cidadãos utilizem única e exclusivamente os canais oficiais da CAIXA ou do Governo para buscar informações e acesso aos serviços. Neles são utilizados fatores complementares de segurança baseados em informações, código de verificação, além do próprio dispositivo para garantir o devido nível de segurança do processo”, enfatiza o banco.


Deixe uma resposta