Após operação da PF, DF tem novo secretário de Saúde

Osnei Okumoto, que foi escolhido para suceder Francisco Araújo na Secretaria de Saúde do DF

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), nomeou nesta terça-feira (25) Osnei Okumoto como novo secretário de Saúde, depois da prisão de Francisco Araújo na segunda fase da Operação Falso Negativo, que investiga fraudes em testes de Covid-19.

A nomeação saiu em edição extra do Diário Oficial do DF.

Okumoto era diretor da Fundação Hemocentro de Brasília e já ocupou o cargo até 16 de março, quando foi substituído por Araújo.Ele vai acumular a função de secretário com a de presidente do Hemocentro.

Ibaneis decidiu afastar todos os envolvidos na operação de hoje. São eles Eduardo Hage Carmo, subsecretário de Vigilância à Saúde do DF; Eduardo Seara Machado Pojo do Rego, secretário adjunto de Gestão em Saúde do DF; Jorge Antônio Chamon Júnior, diretor do Laboratório Central do DF; Ramon Santana Lopes Azevedo, assessor especial da Secretaria de Saúde do DF. Também houve a prisão de Ricardo Tavares Mendes, que é ex-secretário adjunto de Assistência à Saúde do DF.


Deixe uma resposta