Antes de morrer de covid-19, arapiraquense grava áudio e faz alerta sobre gravidade da doença

Antes de morrer de covid-19, arapiraquense grava áudio e faz alerta sobre gravidade da doença

O último Boletim Epidemiológico divulgado pela Prefeitura de Arapiraca revela que os casos confirmados de covid-19 estão aumentando rapidamente. Já são 424 casos confirmados, 729 suspeitos, 14 pessoas mortas em consequência da doença e outra 15 mortes sendo investigadas.

Na noite deste quinta-feira (28) um paciente que estava internado no Memorial Djaci Barbosa, em Arapiraca, há três dias, faleceu em consequência das complicações respiratórias provocadas pela doença.

Após a morte, começaram a circular nas redes sociais, áudios que ele gravou durante uma conversa com um colega. Nos áudios ele faz um alerta sobre a gravidade da doença.

Aneilson Pereria deu entrada no Memorial Djaci Barbosa com os sintomas da doença e teve que ser internado na Unidade de Terapia Intensiva porque estava já estava com dificuldade de respirar.

Durante o período que ficou internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da unidade hospitalar, ele gravou um áudio e enviou para um colega alertando sobre a gravidade da doença, mas que, infelizmente muitas pessoas não acreditam e desrespeitam todas as orientações dos órgãos de saúde.

“Só sabe quem tá passando. Não brinque. Cuidado você tem mãe, não ande vacilando para levar a doença pra dentro de casa. Eu tô aqui no oxigênio com falta de ar. Não é brincadeira, só sabe quem pega. E muitos amigos da gente se vão”, afirmou.

Em outro áudio gravado por ele e que está circulando nas redes sociais, Aneilson Pereira se refere a um colega que é cantor e que não dava tanta importância ao isolamento social e as normas de proteção contra o avanço do coronavírus. Depois que esse cantor perdeu o pai para a doença, ele começou a culpar o Estado por não ter estrutura para atender tanta gente contaminado pelo coronavírus.

“A gente anda por todo canto, bebendo tirando onda, achando que é brincadeira. Esse rapaz mesmo andava por todo canto, tirando onda, depois que perdeu o pai tá culpando o governador. Renan Filho tá fazendo a parte dele. A gente é que não tem vergonha na cara e não tem feito a nossa parte”, finalizou no áudio.


Deixe uma resposta