Alagoas confirma mais 734 casos e 16 mortes por Covid-19

Alagoas confirma mais 734 casos e 16 mortes por Covid-19

Alagoas confirmou mais 734 casos e 16 mortes pela Covid-19 nas últimas 24 horas. Os números foram divulgados neste sábado (15) pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesau). Os novos registros fizeram o número de pessoas que tiveram a doença confirmada subir para 183.703 e o de mortes para 4.478.

De acordo com o boletim epidemiológico, 3.332 pessoas estão em isolamento domiciliar. Das pessoas que foram infectadas, 175.156 se recuperaram da doença. Há 12.370 casos em investigação laboratorial.

Das 16 mortes registradas, oito eram de pacientes que moravam em Maceió, sendo três mulheres e cinco homens. As outras oito, três homens e cinco mulheres, eram do interior.

Boletim de Leitos

O boletim de ocupação de leitos de sexta-feira mostrou que 50% dos leitos exclusivos para Covid-19 estão ocupados. A taxa de ocupação de leitos de UTI é de 79%.

Palmeira dos Índios

A cidade de Palmeira dos Índios já realizou 14.590 testes, chegou a 4.033 casos confirmados, 10.950 casos descartados, 3.758 pessoas já se recuperaram do vírus, 98 óbitos e tem 10 pessoas hospitalizadas.

Mais 16 mortes por Covid-19

  • Maceió: homem, 50 anos – paralisia cerebral e pneumonia

  • Maceió: homem, 67 anos – sem comorbidade

  • Maceió: homem, 70 anos – hipertenso e diabético

  • Maceió: homem, 70 anos – hipertenso e obeso

  • Maceió: homem, 78 anos – sem comorbidade

  • Maceió: mulher, 56 anos – hipertensa, diabética e obesa

  • Maceió: mulher, 88 anos – hipertensa e diabética

  • Maceió: mulher, 89 anos – hipertensa e tinha Alzheimer

  • Palmeira dos Índios: homem, 24 anos – hidrocefalia

  • Arapiraca: homem, 58 anos – hipertenso, diabético, tinha trombose venosa profunda e obesidade

  • Piaçabuçu: homem, 71 anos – diabético

  • Marechal Deodoro: mulher, 58 anos – sem comorbidade

  • Maribondo: mulher, 59 anos – sem comorbidade

  • Porto Calvo: mulher, 60 anos – sem comorbidade

  • Porto Calvo: mulher, 69 anos – sequelas de um Acidente Vascular Cerebral

  • Teotônio Vilela: mulher, 91 anos – hipertensa, diabética e obesa


Deixe uma resposta