​PRF apreende mais de 190 toneladas de milho sem nota fiscal

​PRF apreende mais de 190 toneladas de milho sem nota fiscal

Mais de 190 toneladas de grãos de milho sem nota fiscal foram apreendidas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) durante fiscalizações na BR-316, em Canapi. Os flagrantes ocorreram entre a noite dessa terça (14/04) e a madrugada desta quarta (15/04). A Secretaria da Fazenda de Alagoas (Sefaz) recebeu as ocorrências e multou os responsáveis pelo carregamento.

O primeiro caso ocorreu por volta das 20h30, quando uma equipe de policiais realizava fiscalizações em frente à Unidade Operacional de Polícia (UOP) do Carié, e abordou um caminhão Volvo vindo do município de Carira/SE. Após consultas aos documentos do veículo e do condutor, os policiais questionaram se o veículo estava carregado, sendo informados que transportava uma carga de 60.300 kg de milho em grãos. O condutor de 39 anos apresentou a documentação da carga datada de 05/04/2020, porém, ao entrar em contato com a Sefaz, os PRFs foram informados que o documento estava vencido, e que aquela mercadoria não poderia ser transportada.

Meia hora depois, outra carga de milho em grãos foi apreendida em Canapi. Após a primeira ocorrência, os policiais continuaram suas atividades de fiscalização na rodovia quando avistaram outro caminhão da marca Volvo, também vindo de Carira/SE. Após abordagem, o condutor de 40 anos informou que transportava 66.000 kg de milho em grãos e apresentou uma nota fiscal de 09/04/2020. Similar ao caso anterior, a nota fiscal apresentada não tinha validade.

Na madrugada desta quarta (15/04), a PRF apreendeu mais duas cargas de milho em grãos. A primeira ocorreu pouco antes das 2h, quando abordaram um caminhão Volvo, que vinha da mesma cidade dos dois anteriores, transportando 51.080 kg do produto. O condutor de 49 anos apresentou os documentos fiscais, mas estavam vencidos, e por isso sua mercadoria ficou retida. O último caso ocorreu por volta das 2h30, quando os agentes abordaram um M.BENZ/L, vindo de Paripiranga/BA, transportando 16.000 kg de milho em grãos. Questionado quanto à nota fiscal, o homem de 29 anos informou não possuir.

Diante dos fatos, um total de 193.380 kg de grãos de milho foram apreendidos pelos policiais rodoviários federais e encaminhados à Sefaz para recolhimento dos tributos devidos. Os fiscais informaram aos policiais que estas apreensões resultaram em mais de R$ 85 mil de multas aplicadas aos responsáveis pela carga.


Deixe uma resposta