Transplante de fígado passará a ser feito em Alagoas

Expectativa é de que Santa Casa de Misericórdia de Maceió comece a fazer transplantes ainda neste ano — Foto: Ascom

Pela primeira vez, Alagoas vai poder contar com transplantes de fígado. A Santa Casa de Misericórdia de Maceió foi credenciada pelo Ministério da Saúde (MS) e vai ser o primeiro hospital do estado a fazer o procedimento. A expectativa é de que os transplantes passem a ser feitos ainda neste ano.

“Não tivemos a oportunidade de iniciar o programa antes por causa da pandemia. Foi preciso fazer uma pausa até que tudo se organizasse, acredito que até dezembro o procedimento seja iniciado”, disse o cirurgião Oscar Ferro, que é um dos médicos credenciados para realizar os transplantes em Alagoas.

De acordo com a Santa Casa, a captação do órgão (retirada do fígado) já é feita no hospital há cinco anos. “É um salto muito grande o hospital sair de captador de órgãos para realizador de transplantes. Essa é uma das cirurgias mais complexas que existem”, reforçou o médico.

O cirurgião conta que o trabalho para conseguir o credenciamento começou no ano passado. “Reunimos e enviamos todos os requisitos solicitados pelo Ministério da Saúde. Uma comissão de Brasília nos visitou para vistoriar se tínhamos a estrutura adequada para esse tipo de cirurgia, o que foi certificado. Hoje estamos credenciados via SUS”, comemorou o especialista.

Além de Oscar Ferro, a equipe que vai realizar os transplantes vai ser formada pelos cirurgiões Felipe Augusto Porto de Oliveira e Leonardo Wanderley Soutinho, além dos anestesiologistas Nélio Monteiro e Cira Queiroz.


Deixe uma resposta