Torcida invadiu o CT- Reprodução Instagram

Na tarde da quinta-feira (06/07) Integrantes da torcida organizada Mancha Azul invadiram o Centro de Treinamentos Gustavo Paiva, do CSA, e pressionaram membros da comissão técnica e jogadores. A pressão se deve aos maus resultados da equipe no Campeonato Brasileiro da Série C.

Os torcedores pediram a saída do superintendente de esportes, Major Aldo, e do executivo de futebol, Daniel Kaminski. Na conversa com a comissão técnica e jogadores do clube, enfatizaram que a classificação para a segunda fase da Série C é uma obrigação.

O CSA ocupa a 12ª colocação da Série C, com 14 pontos. No próximo domingo (09/07), às 19h, o time encara o Figueirense (SC), em Florianópolis pela 12ª rodada.

De saída

O lateral Cedric recebeu proposta e está deixando o CSA. De acordo com o Ge, o destino do atleta pode ser o Mirassol (SP), que disputa a Série B do Campeonato Brasileiro. Na equipe azulina, Cedric fez 55 jogos em suas duas passagens, 2020 e 2022/23.

Chegando

Ainda na quinta-feira (06/07), o CSA anunciou o atacante colombiano Ray Vanegas, de 30 anos, ex-jogador do Sport. Segundo o clube, o atleta assinou um pré-contrato e chega nesta sexta-feira (07/07). Ele estava no Universidad César Vallejo, do Peru.

 

Contato

Rua José e Maria Passos, nº 25
Centro - Palmeira dos Índios - AL.
(82) 99641-3231
TELEFONE FIXO - ESTUDIO:
(82)-3421-4842
SETOR FINANCEIRO: (82) 3421-2289 / 99636-5351
(Flávia Angélica)
COMERCIAL: 
(82) 99344-9999
(Dalmo Gonzaga)
O melhor conteúdo. Todos os direitos reservados. Segurança e privacidade
linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram