Lei Seca: Alagoas vai proibir comercialização de bebidas alcoólicas nas eleições

Diferente de outros estados do país, Pernambuco, por exemplo, Alagoas vai aderir à lei seca nas eleições deste ano. A Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP) deve publicar, no diário oficial desta sexta-feira (5), a portaria contendo as regras para regulamentação da comercialização de bebidas alcoólicas no dia da votação.

Tradicionalmente, o estado proíbe a venda de bebidas sob o argumento de que a prática pode contribuir para acirrar os ânimos e, consequentemente, incentivar possíveis atos de violência.

O secretário de Segurança Pública, coronel Paulo Domingos Lima Júnior, adiantou, à Gazetaweb, que está nos trâmites finais e burocráticos para publicar a portaria o quanto antes. Ele não informou, no entanto, qual o horário da proibição da venda das bebidas ao longo do primeiro turno, próximo domingo (7 de outubro).

Costumeiramente, o comércio deve parar de vender entre as 8h e 17h, período exato em que o eleitor precisa comparecer às urnas. “Estamos alinhando com o Tribunal Regional Eleitoral este horário e vamos divulgar até amanhã”, confirmou o secretário Lima Júnior.


Deixe uma resposta