82 99641-3231 (pedido musical)

82 99947-6977 (jornalismo)

Polícia prende suspeito de estuprar mulher em Maceió

Polícia prende suspeito de estuprar mulher em Maceió

Um homem de 35 anos foi preso em Maceió por policiais da Divisão Especial de Investigações e Capturas (DEIC) em cumprimento a um mandado de prisão pelo crime de estupro de uma mulher ocorrido no bairro da Santa Lúcia. A informação foi divulgada pela Polícia Civil na manhã desta sexta-feira (7).

A prisão aconteceu na quinta (6), na Santa Amélia. O mandado foi expedido pela 12ª Vara Criminal após investigação presidida pelo delegado José Carlos, titular da Seção Antissequestro e Crimes Cibernéticos.

De acordo com a polícia, o caso aconteceu no dia 20 de maio, na casa do próprio homem. As investigações apontaram que ele abordou uma mulher de 36 anos na rua e a levou para o local do crime.

A polícia também informou que há um Boletim de Ocorrência registrado contra o homem por suspeita de ter violentado uma menor de 9 anos, também no bairro da Santa Lúcia. O caso está sendo investigado pela Delegacia dos Crimes Contra a Criança e o Adolescente (DCCCA).

O homem foi levado para a sede da Deic, no bairro da Santa Amélia, e em seguida foi encaminhado para o sistema prisional do Estado, onde permanece à disposição da Justiça.


Mototaxistas são presos suspeitos de matar homem em Arapiraca, AL

Polícia Militar de Alagoas — Foto: Matheus Tenório/G1

Dois mototaxistas foram presos na quinta-feira (6) suspeitos de assassinar um homem de 49 anos na cidade de Arapiraca, Agreste de Alagoas.

De acordo com informações de policiais do 3º Batalhão, quando o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegou ao local, a vítima já estava morta.

Os policiais, que tiveram acesso às imagens das câmeras de segurança, foram em busca dos suspeitos. Um dos homens confessou o crime e revelou que a arma usada pertencia ao um outro suspeito que estava com ele no momento da abordagem.

Os dois foram presos em flagrante e levados para a Central de Polícia de Arapiraca.


Dois homens com Mandado de Prisão em aberto são detidos pela Polícia Civil.

5ª Delegacia Regional de Polícia de Palmeira dos Índios – Foto: Ascon/PC

A equipe do Delegado Regional de Palmeira dos Índios, Josias Luís de Lima, comandada pelos Chefes Daniel e Bráulio, em conjunto com a equipe de Taquarana, do Delegado João Pessoa Vaz, comandada pelo Chefe Willinans, cumpriram com sucesso dois Mandados de Prisão contra foragidos da Justiça.

José Hélio Ferreira de Souza foi detido pela Polícia Militar durante uma ocorrência de ameaça e posse ilegal de arma de fogo, onde ele estaria ameaçando um casal com uma espingarda. Chegando ao local, os militares encontraram José Hélio com um facão, ele foi conduzido para a 5ª Delegacia Regional de Polícia de Palmeira dos Índios (5ª DRP).

Após uma pesquisa minuciosa feita pela Polícia Civil sobre o individuo, foi descoberto que o homem tinha um mandado de prisão em aberto. José Hélio era procurado por ameaça e estupro de vulnerável, ele está detido na 5ª DRP e está a disposição da Justiça.

O segundo homem, Eduardo Ferreira dos Santos, foi detido em Taquarana, após cumprimento de mandado de prisão expedido pela Justiça do estado de São Paulo. A Polícia Civil descobriu que o foragido estava residindo na cidade de Taquarana e se dirigiu ao local, o homem foi detido e não ofereceu resistência. Ele também está detido na 5ª DRP a disposição da Justiça.

O Delegado regional Josias Luís de Lima está voltando de férias no dia 15 de agosto e avisa que a tolerância com a bandidagem será zero, avisou também que as ações serão intensificadas no combate ao crime e que muitas operações vem por aí.

O chefe de operações Daniel Pinto falou com exclusividade com o repórter Niraldo Correia, acompanhe a entrevista abaixo:


Dois irmãos são presos por homicídio qualificado em Novo Lino, AL

Dois irmãos são presos por homicídio qualificado em Novo Lino, AL

Policiais da Divisão Especial de Investigação e Capturas (Deic), por meio da Assessoria Técnica de Inteligência, prenderam dois irmãos suspeitos de homicídio qualificado, na manhã desta quinta-feira (6), em Novo Lino, no interior de Alagoas. As prisões fizeram parte de uma operação policial para localizar e prender pessoas foragidas da justiça.

O crime aconteceu em dezembro de 2015, na Aldeia Wassu Cocal, zona rural de Joaquim Gomes, interior de Alagoas. Os dois suspeitos, de 24 e 25 anos, invadiram a casa e assassinaram a vítima José Fábio da Silva com disparos de arma de fogo.

“As investigações da Polícia Civil em relação ao homicídio em tela demonstraram que os dois irmãos infratores mataram com disparos de arma de fogo a vítima, identificada como José Fábio da Silva, na residência desta situada na Aldeia Wassu Cocal, Zona Rural da cidade de Joaquim Gomes, fato ocorrido no dia 26 de dezembro de 2015, por volta das 23h, inclusive no momento da invasão à casa da vítima eles teriam se identificado como polícia”, disse o delegado da Deic, Gustavo Henrique.

Ainda de acordo com o delegado a motivação do crime teria sido um desentendimento por causa do volume alto do som de uma festa da qual a vítima participava.

A polícia informou que os suspeitos também tinham uma desavença anterior com a vítima referente ao tráfico de drogas na região. Os dois suspeitos foram presos devido a um mandado de prisão preventiva expedido pela Vara Única da Comarca de Joaquim Gomes.

Participaram da operação agentes do Tático Integrado de Grupos de Repressão Especial (TIGRE), e da Seção de Capturas, sob coordenação do delegado Gustavo Henrique.


Motorista com sinais de embriaguez é detido após passar no sinal vermelho em Palmeira dos Índios.

Motorista com sinais de embriaguez é detido após passar no sinal vermelho – ilustração

No final da tarde de ontem, quarta-feira (5), um senhor de 56 anos foi detido com sinais de embriaguez após passar no sinal vermelho no bairro São Cristóvão, em Palmeira dos Índios.

Uma guarnição de Força Tarefa estava realizando rondas nas imediações do bairro São Cristóvão, quando avistou um veículo avançando o sinal vermelho. Ao abordar o veículo, foi identificado que o condutor estava com sinais de embriaguez.

O homem foi conduzido ao posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF) para realizar o teste de alcoolemia e o índice constatado foi 0,74mg il, confirmando a suspeita da embriaguez.

O condutor foi encaminhado para a 5ª Delegacia Regional de Polícia (5ª DRP) para os procedimentos necessários.


Preso por morte de criança em Maravilha, AL, é autuado por sequestro, estupro de vulnerável e homicídio

O homem preso em flagrante na manhã desta quinta-feira (6) suspeito de matar uma menina de 6 anos em Maravilha, no Sertão de Alagoas, foi autuado por homicídio, sequestro e cárcere e estupro de vulnerável. A informação foi confirmada pelo delegado Hugo Leonardo, da Delegacia Regional de Santana do Ipanema.

De acordo com o delegado, o homem disse em depoimento que não lembra de nada e que estava sob efeito de álcool e droga.

Os policiais chegaram à casa do suspeito depois que a família da criança, desaparecida desde quarta (5), recebeu a informação de que ela poderia estar na casa desse homem e fez a denúncia à polícia.

“Informaram que ela poderia estar na casa de um suspeito que geralmente oferecia dinheiro a ela para comprar doces e balas, com certeza com o intuito de praticar atos ou abusos sexuais contra a vítima. A partir daí os policiais pediram apoio ao CISP de Ouro Branco, foram ao local, ele autorizou a entrada e na revista encontraram um saco de nylon volumoso em cima do telhado, nos fundos da casa. Foi constatado que era o corpo da criança em óbito e com sinais de violência sexual”, relatou o delegado.

O homem foi preso e levado para a Delegacia Regional de Santana do Ipanema, onde prestou depoimento ao delegado Hugo Leonardo. “O inquérito vai ser concluído e encaminhado para o delegado Diego José, titular de Maravilha e Ouro Branco, que vai continuar com as investigações”.

Ainda de acordo com o delegado, ainda não foi possível colher o depoimento dos parentes da menina.

“Familiares não foram ouvidos por conta, também, de não terem condições emocionais para ser ouvidos hoje, vão ser ouvidos durante o inquérito”, informou Hugo Leonardo.

No momento da prisão, vizinhos e moradores da região se concentraram em frente à casa do suspeito, na tentativa de linchá-lo, mas foram impedidos pelos policiais. Algumas pessoas chegaram a jogar pedras no telhado da residência.


Redes sociais


Whatsapp: 82 99641-3231

Contato


Rua José e Maria Passos, nº 25 - Centro - Palmeira dos Índios - AL.

Tel: (82) 99641-3231

© 2020 RÁDIO SAMPAIO - Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Interactive MOnkey