82 99641-3231 (pedido musical)

82 99947-6977 (jornalismo)

Caixa paga auxílio emergencial a 3,2 milhões nascidos em novembro

Aplicativo auxílio emergencial do Governo Federal.

A Caixa Econômica Federal paga hoje (28) o auxílio emergencial para 3,2 milhões de brasileiros nascidos em novembro. Serão liberados cerca de R$ 1,1 bilhão para beneficiários que não fazem parte do Bolsa Família, no ciclo 6 de pagamentos do programa. Os pertencentes ao Bolsa Família receberam de acordo com o calendário do programa social.

Do total, 49,1 mil receberão os recursos referentes a parcela do auxílio emergencial regular, no valor de R$ 600 (R$ 1,2 mil para mães chefes de família). Os demais, 3,2 milhões, serão contemplados com parcela do auxílio emergencial extensão de R$ 300 (R$ 600 para mães chefes de família).

Os recursos estarão disponíveis na poupança social digital e poderão ser movimentados pelo aplicativo Caixa Tem. Com ele é possível fazer compras na internet e nas maquininhas em diversos estabelecimentos comerciais, por meio do cartão de débito virtual e QR Code. O beneficiário também pode pagar boletos e contas, como água e telefone, pelo próprio aplicativo ou nas casas lotéricas.

O calendário de pagamentos do auxílio emergencial é organizado em ciclos de crédito em conta poupança social digital e de saque em espécie. Os beneficiários recebem a parcela a que têm direito no período, de acordo com o mês de nascimento.

Caixa eletrônico

Saques e transferências para quem recebe o crédito nesta sexta-feira serão liberados a partir do dia 25 de janeiro. A partir dessa data, o beneficiário poderá retirar o auxílio emergencial no caixa eletrônico, nas agências da Caixa ou lotéricas ou usar o aplicativo Caixa Tem para transferir o dinheiro da poupança digital para contas em outros bancos, sem o pagamento de tarifas.

O auxílio emergencial criado em abril pelo governo federal, pago em cinco parcelas de R$ 600 ou R$ 1,2 mil, foi estendido até 31 de dezembro, por meio da Medida Provisória (MP) 1000. O auxílio emergencial extensão será pago em até quatro parcelas de R$ 300,00 cada; no caso das mães chefes de família monoparental, o valor é de R$ 600,00.

Somente aqueles que já foram beneficiados e se enquadram nos novos requisitos estabelecidos na MP estão recebendo o benefício.

Parcela única

Cerca de 1,2 milhão de beneficiários que têm direito apenas à parcela de dezembro do auxílio extensão estão recebendo os R$ 300 ou R$ 600 desde o dia 21 de dezembro. São pessoas que receberam a primeira remessa do auxílio emergencial em julho.

Com o pagamento de hoje, a Caixa completa as transferências para os nascidos de janeiro a novembro. Amanhã, recebem os beneficiários nascidos em dezembro. Os saques em espécie e transferências por meio do Caixa Tem também estão disponíveis desde dia 21 para nascidos em janeiro e fevereiro. Para os demais beneficiários, segue o calendário de liberação dos ciclos 5 e 6, a partir de 4 de janeiro.


Corinthians se posiciona oficialmente contra o retorno imediato do futebol

Sportbuzz · Corinthians explica déficit de R$ 177 milhões e ...
Corinthians se posiciona oficialmente contra o retorno imediato do futebol

O Corinthians se posicionou oficialmente hoje (26) contra o retorno do futebol brasileiro, paralisado em decorrência da pandemia do novo coronavírus (covid-19). Em carta aberta assinada pelo presidente Andrés Sanchez, o clube entende que ainda não é o momento de a bola voltar a rolar, e que há a necessidade de alinhamento de ações coletivas.

Sanchez ressalta a legitimidade dos clubes em procurarem saídas junto aos governos federal, estadual e municipal (Prefeituras), e federações no intuito de tentar impedirem um aprofundamento da crise, porém, argumenta que o Brasil vive um cenário muito diferente dos países que retomaram suas ligas.

A carta cita o exemplo do Campeonato Alemão, que só voltou a ser disputado após o diálogo entre todos os agentes políticos e esportivos, mantendo responsabilidade com seu produto, astros e público. Andrés Sanchez salientou que, na Bundesliga, havia um princípio claro: “o futebol não pode se antecipar ao controle da pandemia”.

Ao comparar com a situação no Brasil, o Corinthians lembra que a série A conta com 20 clubes de nove estados diferentes, cada um com um panorama distinto do novo coronavírus. Isto exigiria um trabalho coordenado entre governo, clubes e federações. O presidente do Timão finaliza a carta afirmando que qualquer retorno apenas adiará “uma pausa forçada, em que os clubes vão, de novo, agonizar”.

Confira a carta na íntegra:

Depois de 23 mil mortes causadas pela Covid-19, todo debate é menor. Por isso, em nome do Corinthians, manifesto antes nossa solidariedade a cada brasileiro afetado por doença, luto, ou prejuízo profissional. Tudo isso importa. 
E é legítimo que o futebol – como qualquer setor – procure saídas junto ao governo federal e a seus respectivos estados, prefeituras e federações, a fim de impedir um aprofundamento da crise na atividade. É preocupante, porém, que o Brasil viva um cenário muito diferente daqueles países que retomam suas ligas. 
A queda de receitas já obrigou muitos clubes a executar cortes e demissões. O Corinthians tem adotado medidas de austeridade, como a redução temporária de salários e jornada, apoiada na MP 936. Fazemos e refazemos as contas diariamente, mas somos realistas: trata-se da pior epidemia no país nos últimos 100 anos, e nenhuma atividade econômica sairá dessa sem transformações inevitáveis. 
No Corinthians, não será diferente. O que não muda é o nosso compromisso com um futebol forte como carro-chefe e a parte social como tradição, e é para isso que estamos trabalhando. Como também vemos o clube como um veículo capaz de impactar mais de 30 milhões de torcedores via mídias digitais, levamos informação útil e iniciativas solidárias, com o sonho de terminar a pandemia sem nenhum torcedor a menos.  
Somos testemunhas dos elogiáveis esforços da CBF, da Federação Paulista de Futebol e de outros clubes. Mas é preciso repensar, de forma ampla, o papel do futebol e sua influência nesse jogo. 
Na Alemanha, houve diálogo intenso entre todos os agentes políticos e esportivos, e um princípio foi claro para a Bundesliga: o futebol não pode se antecipar ao controle da pandemia. Quando a sociedade confiou no sucesso do combate alinhado entre governo e estados alemães, a Bundesliga finalmente retomou seus jogos em sincronia, no último dia 16. Houve responsabilidade com seu produto, seus astros e seu público. 
O futebol brasileiro, porém, caminha para outra direção. 
Se o combate ao vírus não tem alinhamentos entre os governos, no futebol as reações estão ainda mais fragmentadas. Com decisões facultadas aos Estaduais, criam-se ruídos. O futebol perde muito como produto quando transmite que, para a bola rolar, basta decidir qual clube está mais pronto, ou qual estado está mais disposto a riscos, enquanto se somam mais de mil óbitos por dia.
Em 2020, a Série A tem 20 clubes de nove estados, cada um com panoramas distintos da doença. Isso pede um trabalho mais coordenado entre governos, clubes e federações. Num esporte coletivo, não dá para jogar sozinho.
Sem isso, qualquer retorno apenas adiará a próxima pausa forçada, em que os clubes vão, de novo, agonizar. Como negócio sustentável, o futebol só poderá voltar depois de uma articulação eficiente, focada tanto no bem-estar das pessoas quanto na segurança da Saúde nos estados envolvidos.

Atriz Daisy Lúcidi morre de covid-19 no Rio de Janeiro

Atriz Daisy Lúcidi morre de covid-19 no Rio de Janeiro

Nesta quinta-feira (07/05), morreu a atriz e radialista Daisy Lúcidi, aos 90 anos, no Rio de Janeiro. A artista estava internada com covid-19 no Centro de Terapia Intensiva (CTI) do Hospital São Lucas, em Copacabana, desde o dia 25 de abril.

Daisy começou a carreira em 1941 na Rádio Tupi, onde integrava o elenco infantil de atores. Em 1944 passou a ser contratada da Rádio Globo, onde fez muitos trabalhos na dramaturgia.

A estreia da artista na TV aconteceu em 1960, quando ela participou de uma minissérie dirigida por Janete Clair, na extinta TV Rio. A primeira novela na Globo foi o ‘Homem Proibido’, em 1967. Também trabalhou em ‘Supermanoela’ (1974), ‘Bravo’ (1975) e o ‘Casarão’ (1976).

Sua última participação em novelas da Globo foi em ‘Geração Brasil’, em 2014.


Como se bronzear no sol? 7 dicas para conseguir a cor dourada sem prejudicar a saúde

Como se bronzear no sol? 7 dicas para conseguir a cor dourada sem prejudicar a saúde

O verão é definitivamente o momento perfeito para se dedicar na busca pelo bronzeado perfeito com aquele ar de saúde – mas, afinal de contas, como se bronzear do jeito certo no sol? A gente te conta: existem, sim, alguns truques para conquistar a cor do verão mais rápido sem colocar a pele em risco. Quer saber como?

Para provar, separamos 7 dicas simples que vão desde o melhor horário para se expor ao sol, quanto tempo é preciso ficar ao ar livre e quais são produtos podem te ajudar a chegar no resultado ideal. Continue lendo a matéria e aproveite!

1. INVISTA EM UM PROTETOR SOLAR COM ATIVOS BRONZEADORES

Há quem pense que passar protetor solar vai impedir o bronzeado, mas isso não passa de um mito, viu? De qualquer forma, a dica é: ao escolher o filtro, prefira fórmulas que tenham ativos capazes de favorecer o bronzeado. Dessa forma você se protege dos danos causados pelos raios UV e ainda deixa a pele corada, iluminada e radiante!

2. TENTE PEGAR 30 MINUTOS DE SOL POR SETE DIAS PARA CONSTRUIR O BRONZEADO

Não adianta tentar pegar todo o bronze do verão em um dia – afinal de contas, cada corpo leva um tempo diferente para alcançar o bronzeado perfeito! A dica para manter a cor dourada por mais tempo e com aspecto saudável e tomar meia horinha de sol por uma semana. Desse jeito o look fica impecável!

3. EVITE PEGAR O SOL DE 10H À 16H PARA SE PREVENIR DE POSSÍVEIS DANOS

O sol pode ser bem nocivo para a pele, por isso, o bronze deve ser conquistado em horários específicos para não prejudicar a saúde. Prefira se expor aos raios solares ate 10h da manhã e/ou depois das 16h da tarde. O motivo é porque, nesse período, a radiação UVB – aquela que provoca queimaduras e causa câncer de pele – é bem menor.

4. BEBA BASTANTE ÁGUA ENQUANTO SE BRONZEIA E NOS DIAS SEGUINTES

Enquanto você se expõe ao sol, é importante beber bastante água e manter o corpo hidratado. Enquanto ficamos ao ar livre, é normal suar e perder líquido – o que pode levar ao ressecamento na pele também. Para se prevenir, mantenha uma garrafinha de água sempre ao seu lado!

5. MUDE DE POSIÇÃO DURANTE O BANHO DE SOL

Uma dica importante para quem vai se bronzear no sol é manter a atenção no bronzeamento para deixar a cor uniforme pelo corpo. Para isso, a dica é alternar posições como a de bruços e virada para cima, por exemplo. E tente se manter o mais esticada possível para que cada região do corpo fique no mesmo tom!

6. INSIRA MAIS ALIMENTOS COM VITAMINAS E BETACAROTENO NA ALIMENTAÇÃO

Outra forma de potencializar o bronzeado é fazer algumas alterações na dieta. Sabia que alimentos com vitamina C e betacaroteno ajudam na hora de conquistar uma cor bonita e duradoura? Com isso em mente, a dica é apostar num alimentação com cenoura, abóbora, caqui, mamão e outras fontes desses nutrientes.

7. APOSTE NO HIDRATANTE CORPORAL DIARIAMENTE PARA DEIXAR O BRONZE MAIS BRILHOSO

E por falar em bronze duradouro, vale lembrar que para a pele não descascar – e para que a cor morena fique ainda mais bonita ao longo dos dias – é muito importante manter a pele hidratada tanto antes quanto depois da exposição solar. Invista em um creme hidratante corporal e capriche na aplicação, vai valer a pena!


10 dicas de beleza para o rosto

  1. rosto3Pomada de bebê é excelente para diminuir as olheiras. Passe nas bolsas antes de dormir e tire na manhã seguinte.

  2. Faça uma esfoliação de aveia fina com óleo de coco para eliminar os cravos do rosto.

  3. Hidrate o rosto com uma máscara feita de uma mistura de banana com azeite.

  4. Água gelada é excelente para o rosto. Jogue alguns cubos de gelo em uma tigela e lave bem o rosto toda noite.

  5. Use cânfora para acalmar a pele e combater acnes e espinhas.

  6. Dormiu mal? Com a ajuda de um algodão, aplique uma máscara de chá de camomila gelado para desinchar as olheiras.

  7. Carregue sempre uma garrafinha spray com água mineral e aplique no rosto para mantê-lo com frescor.

  8. Use vaselina para hidratar lábios ressecados e rachados no frio.

  9. A vaselina também é ótima para deixar os fios da sobrancelha arrumadinhos.

  10. Use protetor solar no rosto diariamente, mesmo quando ficar em casa o dia todo.

 

 

 

 

 

*    Com Extra/Abril


Abacate e maionese nos cabelos

Está precisando de um tratamento de choque nos fios? Pois Alfredo Lewis, cabeleireiro que cuida das madeixas de tops como Adriana Lima, ensina uma receita feita com ingredientes encontrados em casa para recuperar rapidamente fios danificados pela exposição a produtos químicos: uma banana, um abacate e duas colheres de maionese, mistura tudo e terá uma máscara eficiente. Basta aplicá-la nos cabelos e cobri-los com uma touca plástica por 45 minutos.


Redes sociais


Contato


Rua José e Maria Passos, nº 25 - Centro - Palmeira dos Índios - AL.

(82) 99641-3231


TELEFONE FIXO - ESTUDIO:
(82)-3421-4842

SETOR FINANCEIRO: (82) 3421-2289 / 99636-5351
(Flávia Angélica)

COMERCIAL:
(82) 99621-8806
(Dalmo Gonzaga)

© 2021 RÁDIO SAMPAIO - Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Interactive MOnkey