Criminosos pulam muro, abrem janela e levam TV de fórum de Atalaia

A Polícia Civil instaurou inquérito para apurar o arrombamento do Fórum Desembargador José Jerônimo de Albuquerque, em Atalaia. O prédio foi alvo de criminosos possivelmente na madrugada desta segunda-feira (22). Ainda pela manhã, servidores acionaram policiais militares da 4ª Companhia Independente.

O delegado Guilherme Iusten, titular da delegacia de Atalaia, informou que há um grupo acusado de furtos e arrombamentos de residências na cidade e que possivelmente é o mesmo que pulou o muro e entrou pela janela para levar objeto do fórum. “A gente está investigando uma quadrilha que tem feito furtos na cidade. Acreditamos que é a mesma”, afirmou o delegado.

“Teve o furto. Levaram a TV de lá e só hoje que foi percebido isso. O prédio já foi periciado. A gente já tem um inquérito aberto para investigar esse furto. A gente não vê com bons olhos nenhum tipo de crime, principalmente quando atenta contra uma instituição de justiça. Mas como a gente vê que o intuito ali era só patrimonial aí isso é uma coisa que retira a gravidade”, declara Guilherme Iusten.

A segurança patrimonial – que é exercida pela guarda municipal não estava atuando no momento – porque os servidores estão com as atividades paralisadas.

Em nota, a assessoria de comunicação do Tribunal de Justiça de Alagoas informou que o juiz João Paulo Alexandre, da Vara do Único Ofício de Atalaia, detalhou que foram furtados uma televisão e um botijão de gás da unidade judiciária.

Segundo o magistrado, a segurança do local é realizada pela Guarda Municipal de Atalaia e a Polícia Civil está investigando porque não havia guarda municipal no momento do arrombamento. “Hoje pela manhã, a perícia realizada na vara constatou que a parte do cartório, onde ficam os poucos processos físicos (cerca de 94% dos processos são virtuais) e os computadores, não foi invadida”, diz a nota.


Deixe uma resposta