Ao menos sete pessoas foram presas em uma operação integrada das polícias Civil e Militar na cidade de Arapiraca nesta terça-feira (28). Estão sendo cumpridos 25 mandados de busca e apreensão e 12 de prisão expedidos pela 17ª Vara Criminal da Capital contra suspeitos de tráfico de drogas e roubos na cidade de Arapiraca, Agreste de Alagoas.

A operação denominada Engov tem o objetivo desarticular uma ação criminosa chefiada por Ewerton Barbosa Canuto, conhecido como Ressaca. Canuto reagiu ao cumprimento de mandado de prisão, na cidade de Bom Conselho, em Pernambuco, e acabou baleado. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), Ressaca fazia parte de uma facção criminosa que atua em Alagoas e dominava o tráfico de drogas em alguns bairros de Arapiraca e cidades vizinhas. Essa organização criminosa também é responsável por vários assaltos na região.

Participaram da operação 100 policiais militares e civis do 3° Batalhão de Arapiraca, 4° DRP de Arapiraca, Divisão Especial de Investigação e Capturas (Deic), Delegacia de Homicídio de Arapiraca, Inteligência de Alagoas e Pernambuco e da companhia da Polícia Militar de Bom Conselho.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *