Presos na Operação Flash Back em AL são transferidos para presídio no Agreste

Seris mobilizou policiais penais, de grupamentos militares e aéreo para a transferência em Alagoas — Foto: Divulgação/Agência AlagoasA Secretaria da Ressocialização e Inclusão Social (Seris) montou uma operação neste sábado (30) para a transferência de 34 reeducandos presos na Operação Flash Back do Sistema Prisional em Maceió para o presídio do Agreste, de segurança máxima que fica no município de Girau do Ponciano, interior de Alagoas.

A megaoperação policial integrada foi deflagrada na última quarta-feira (27) para cumprir 110 mandados de prisão em Alagoas e outros sete estados contra integrantes de uma facção criminosa. O número de presos na operação chega a 83, sendo 49 somente em Alagoas. Um dos alvos da operação morreu em confronto com os policiais.

As prisões foram resultados de sete meses de uma investigação que monitora crimes de justiçamento, sequestros, assaltos e tráficos de drogas promovidos por integrantes de um grupo organizado que atua nacionalmente.

O secretário da Ressocialização e Inclusão Social, coronel PM Marcos Sérgio de Freitas, informou que para esses reeducandos, será aplicado o Regime Disciplinar Diferenciado (RDD), como previsto na Lei de Execução Penal, até que todos venham a ser transferidos para um presídio federal.

Já sobre os 23 suspeitos que já estavam presos, o secretário acrescentou que eles serão isolados, havendo, inclusive, limitações ao direito de visita.

Na transferência, a Seris mobilizou policiais penais do Grupo de Remoção e Intervenção Tática do sistema prisional, militares do Batalhão de Operações Policiais Especiais e do Grupamento Aéreo da Secretaria de Segurança Pública.

*   Com G1

Deixe uma resposta