Polícia Militar cumpre reintegração de posse no Conjunto Brivaldo Medeiros

| Redação Rádio Sampaio


Equipe das Operações Especais e Gerenciamento de Crises no Conjunto Brivaldo Medeiros (Foto: Cayo César/Rádio Sampaio)

 

Na manhã desta sexta-feira (11), a Polícia Militar e o Gerenciamento de Crise estiveram junto com a Promotoria de Justiça executaram um mandado de reintegração da posse no Conjunto Brivaldo Medeiros, em Palmeira dos Índios.

 

Segundo o Promotor de Justiça, Dr Rogério Paranhos, o objetivo da reintegração é da posse das casas a construtora responsável em concluir as obras. A operação começou ainda pela madrugada, quando policias do 10º Batalhão cercaram o conjunto e identificaram as casas que estavam desocupadas, o fato que chamou a atenção dos agentes de segurança pública foi que pelo menos 10 casas estavam “reservadas” para um mesmo morador.

 

Equipes da Polícia Militar, comandadas pelo Ten. Cel. Pantaleão Ferro mapearam e cercaram todo o conjunto ainda na madrugada. (Foto: Cayo César/Rádio Sampaio)

O serviço de Gerenciamento de Crises da Polícia Militar, acompanhou toda a operação a pedido do Ten. Cel. Pantaleão Ferro, que comanda o 10º Batalhão de Polícia Militar em Palmeira dos Índios. Além das equipes de segurança pública, também estiveram no local equipes do Corpo de Bombeiros, Assistência Social, Direitos Humanos, Secretaria de Saúde e limpeza urbana.

 

Até o momento, a reintegração ocorre de forma pacifica, nossa equipe foi a primeira a chegar e continua acompanhando de perto a operação.

Equipes de resgate médico deram apoio a ação. (Foto: Cayo César/Rádio Sampaio)

A invasão

Cansadas de esperar pela entrega das moradias, famílias cadastradas no Programa “Minha Casa Minha Vida” do Governo Federal, ocuparam desde outubro de 2016 as casas conjunto residencial Brivaldo Medeiros. Todos estão dispostos a arcar com as portas, pias e vasos sanitários que foram furtados no meio tempo.

O Projeto

O projeto do residencial tem uma área total é de quase 400.000m² e possui, além dos lotes, unidade básica de saúde, creche, quadra poliesportiva, estação de tratamento de esgoto e escola. São 820 famílias contempladas com as casas padrão de 41.90m² de uma área loteada em 260.000m². As unidades contam com uma vantagem em relação a outros conjuntos: elas têm placas instaladas para aquecer a água com a energia solar.

 

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

%d blogueiros gostam disto: