Uma operação da Polícia Federal denominada “Pinote” foi realizada na manhã desta segunda-feira (10) para identificar possíveis crimes eleitorais no município de Arapiraca. Ao todo, quatro mandados de busca e apreensão foram cumpridos. A PF ainda apreendeu documentos e uma lista com nomes de eleitores suspeitos na residência de um político.

De acordo com o delegado da PF, André Costa, dos mandados expedidos, dois deles foram cumpridos em sedes de empresas, outro na casa do diretor de um dos estabelecimentos e outro mandado em um posto de gasolina.

O delegado ainda afirmou que o material do crime é de compra de votos e de transporte ilegal de eleitores. “Também existe a possibilidade a formação de uma organização criminosa para a compra de votos. O esquema estava com listas de eleitores, cópias de títulos e documentos que foram usadas no dia da eleição”.

A ação faz parte de uma operação que aconteceu no dia 2 de outubro, no primeiro turno das eleições. PF apreende dinheiro e santinho de candidato a prefeito em Arapiraca.

Primeiro turno das eleições

Além da quantia, em mais de R$ 9 mil reais em espécie, os policiais encontraram santinhos de um candidato a prefeito e outro candidato a vereador.

Através de uma denúncia anônima, agentes da PF e policiais militares flagraram dezenas de motociclistas abastecendo no mesmo posto. No momento da abordagem, a polícia identificou que um veículo foi abandonado no local e condutor saiu sem deixar pistas.

No local, havia uma caminhonete Fiat, de cor branca. A PF conseguiu chamar um chaveiro para abrir o veículo e encontrou a o material da campanha, além do dinheiro.

O material apreendido foi encaminhado para sede da Polícia Federal, em Maceió, onde os policiais fariam as investigações.

PF no primeiro turno das eleições
PF no primeiro turno das eleições

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *