PF autua sargento PM por porte de arma realizando segurança de candidato em Palmeira

| radio sampaio


Um sargento da Polícia Militar que atuava como segurança pessoal de um candidato a prefeito de Palmeira dos Índios foi autuado pela Polícia Federal nesta quarta-feira (28). Ele portava uma pistola particular.

Segundo divulgou a PF, o militar foi autuado com base no que diz o art 347, do Código Eleitoral, combinado com a Resolução nº 15.733, do TRE, que criminaliza esta conduta.

A arma de fogo, uma Taurus PT 940 cal .40, após a formalização dos procedimentos, foi entregue ao Comando do Batalhão da PM da região onde vai ficar acautelada. O TCO foi encaminhado à Justiça Eleitoral.

Ainda de acordo com a PF, o sargento fazia a segurança do candidato Julio Cezar (PSB), que foi candidato a governador de Alagoas – após a desistência do procurador Eduardo Tavares – pelo partido do então governador Téo Vilela, PSDB.

Ao longo da semana a PF vem realizando várias ações em desdobramento da Operação Eleições 2016 que visa combater crimes eleitorais em Alagoas.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

%d blogueiros gostam disto: