Moradores de Palmeira dos Índios podem ficar sem água em 2 meses

| radio sampaio


Moradores de Palmeira dos Índios podem ficar sem água nos próximos dois meses devido à falta de chuvas. A barragem Carangueja, situada no município de Quebrangulo, abastece 70% da população de Palmeira e está com o volume de água muito reduzido.

A tendência é de que a situação se agrave porque a barragem Carangueja – que tem 18 metros de profundidade – já reduziu mais de 9 metros, 30% de sua capacidade. O motivo é a falta de chuvas na região.

Segundo o gerente da Companhia de Água e Saneamento de Alagoas (Casal), Joaquim Oliveira, para poupar a água que resta, a Casal desliga, durante a noite, uma das duas bombas de captação. Se não chover logo, o abastecimento em Palmeira deve ficar mais comprometido. “A preocupação é enorme. Nos próximos sessenta dias, poderá haver essa deficiência”, alertou o gerente.

Uma das opções para evitar o colapso seria fazer a transposição das águas da Barragem Caçamba –  que também fica em Quebrangulo e abastece 30% dos domicílios de Palmeira – para a Barragem Carangueja. A barragem Caçamba está cheia porque fica próximo a uma área preservada, cercada por serras, onde existem centenas de nascentes e alguns rios ao redor.

“Já existe um estudo da diretoria para que seja feita de forma emergencial essa transposição. A Seinfra é quem irá providenciar esse projeto para que seja feito isso e de forma rápida para solucionar o problema da cidade”, informa. A Secretaria de Estado da Infraestrutura informou, no entanto, que ainda não foi comunicada sobre pedido de estudo feito pela Casal para a transposição da água. Segundo a meteorologia, não há previsão de chuva para o Agreste, nos próximos dias.

Darlene Gomes mora no bairro São Francisco. Em casa, ela precisa das duas caixas de água de mil litros e da cisterna por causa do rodízio no abastecimento. “Chega água no domingo e falta na terça-feira. Tem que ter os reservatórios porque se não a gente fica sem água”, disse ela, reclamando, ainda, dos resíduos que vêm na água e se acumulam no fundo do reservatório.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

%d blogueiros gostam disto: