“Um momento maravilhoso”! Foi assim que José Marcos Lopes, de 26 anos, descreveu o instante em que fez o parto da esposa dentro de um táxi, em Maceió, e viu pela primeira vez o rosto da filha. Ele, a mãe, Jéssica Augustino Ferreira, de 22, e a pequena Heloísa estão no Hospital Geral Santo Antônio, no bairro do Centro, para onde foram levados após o nascimento da criança.

O momento inesperado foi narrado pelo taxista, Luiz Eduardo. Era madrugada de domingo quando Marcos e Jéssica chamaram o táxi, no bairro do Farol. Jéssica já estava perto de entrar em trabalho de parto quando eles pediram para serem levados ao Hospital do Açúcar. Só lá, o casal descobriu que o local está fechado, por conta de uma greve dos funcionários.

“Nós íamos para o Hospital Universitário, mas ela não estava aguentando. Então paramos no posto de combustível ao lado do [Hospital do] Açúcar, liguei o ar condicionado, desci do carro e tentei acionar o Samu”, lembra Luiz.

Parados na Avenida Fernandes Lima, o taxista tentava acionar uma ambulância, enquanto Marcos estava dentro do carro com a esposa, já em trabalho de parto. “Eu tirei a roupa dela, e quando vi a cabeça da criança já estava coroando”, relembra.

“Eu não tenho palavras para descrever esse momento. É maravilhoso você ver a sua esposa dando à luz, ainda mais quando é você quem pega a criança. A enfermeira até me parabenizou pelo parto bem feito”, comemora o pai.

Após o nascimento, já a caminho do Hospital Universitário, o taxista chamou um amigo, também taxista, o  Alexandre, que escoltou o carro até o seu destino. No trajeto, uma ambulância do Samu, com paramédicos, recebeu as pacientes e prestou os primeiros socorros a mãe e filha. Em seguida, a família foi levada para o Hospital Santo Antônio.

Marcos e Jéssica esperam apenas a pediatra realizar alguns exames na criança para poderem ir para casa. Heloísa deve receber alta no final da tarde desta segunda-feira (30).


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *