Falta d’água em Palmeira dos Índios revolta população

| Redação Rádio Sampaio


A falta d’água e as sucessivas mudanças no calendário de distribuição do precioso liquidam para o centro e os bairros de Palmeira dos Índios, levou à população a interatividade no programa Nosso Encontro da Rede Sampaio de Rádios, através do  APP WhatsApp da Rádio e Site Sampaio, a cobrar providencias urgentes visando sanar o problema que se arrasta há vários anos e agora em maior gravidade.

Existem duas adutoras em Palmeira dos Índios: a Carangueja (inaugurada há 50 anos), que não tem como atender a demanda pela fragilidade de seus equipamentos, mesmo com armazenamento de água normal e agora o reservatório está apenas com 1% de sua capacidade em vista da falta de chuvas.

A Caçamba, inaugurada há sete anos sem estar com a obra concluída, também não tem capacidade para abastecer o município. A população da zona urbana reclama todos os dias, pois ficou estabelecido pela casal em sua programação de distribuição de água que o bairro que recebe o preciso líquido em um dia só voltará a ser reabastecido 12 dias depois.

Já os moradores da zona rural não está recebendo água da Casal e não existe previsão de quando o abastecimento será normalizado. Os habitantes dessa região estão vivendo com água distribuída em carros pipas ou de poços perfurados, que são poucos e, em propriedades de quem tem melhor condição financeira.

Os açudes e barragens existentes na zona rural estão secos ou com pouca água misturada com lama que serve apenas aos animais.

O programa Nosso Encontro tem sido um parceiro da população em busca de solução para o problema que se agrava a cada dia.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

%d blogueiros gostam disto: