O valor médio da gasolina comum vendida nos postos alagoanos subiu 1,53% na semana passada, na comparação com a semana anterior, segundo levantamento da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), divulgado nesta segunda-feira (01).

Realizado em 57 postos de combustíveis do Estado, o levantamento mostra que o preço médio do litro da gasolina comum passou de R$ 4,752 para R$ 4,825 de uma semana para outra.

Segundo os dados da ANP, o preço médio do combustível encerrou o mês de setembro com uma alta de 2,26%, saltando de R$ 4,718 na primeira semana do mês, para R$ 4,825. Em Delmiro Gouveia – município localizado a 291 km de Maceió – o preço médio da gasolina acumula alta de 7,46%. Na semana passada, o litro do combustível era comercializado nos postos do município a R$ 5,152, em média, atingindo, assim, o valor mais alto do Estado.

Em todo o País, o preço médio da gasolina comum subiu em 24 Estados e no Distrito Federal na semana passada. Na média nacional, os preços médios avançaram 0,95% entre as semanas, de R$ 4,652 para R$ 4,696. Apenas no Rio Grande do Norte e em Santa Catarina recuo na passagem da terceira para a quarta semana de setembro.

Etanol

O levantamento da ANP mostra também que o preço médio do etanol hidratado comercializado nos postos de Alagoas recuou 2,75% entre a terceira e a quarta semana de setembro, saindo de R$ 3,484 para R$ 3,388. No mês, o produto registra uma retração de 2,22%.

Nacionalmente, o preço do etanol hidratado subiu nos postos de 19 Estados brasileiros e do Distrito Federal na semana passada. Na média dos postos brasileiros pesquisados pela ANP, houve alta de 1,20% no preço do etanol na semana passada.

Vantagem

Com o recuo do biocombustível, a vantagem de abastecer o veículo com o produto em Alagoas ficou praticamente estável em relação a gasolina. Para saber se vale a pena abastecer com etanol, basta que o consumidor faça uma conta simples: a convenção é que o preço do álcool deve ser de até 70% o da gasolina, quer dizer, deve ser pelo menos 30% mais barato. No caso de Alagoas, o índice na semana passada foi de 70,21%.

Procon

Ontem, o órgão de defesa do consumidor (Procon) de Maceió divulgou pesquisa feita ao longo do mês de setembro, em 28 postos de combustíveis da capital alagoana. De acordo com o levantamento, o valor médio da gasolina passou a ser R$ 4,75, o etanol terminou o mês com média de R$ 3,45 e o diesel comum passa a ser vendido por R$ 3,77 em média. Já o diesel S-10 termina com a maior alta desde o início do ano, com média de R$ 3,80.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *