82 99641-3231

Renan é escolhido novo líder do PMDB do Senado

A informação foi confirmada por meio da assessoria do peemedebista

Senador Renan Calheiros (PMDB-AL)
Em reunião realizada na residência oficial do Senado nesta terça-feira, 31, integrantes da bancada do PMDB escolheram, por aclamação, o senador Renan Calheiros (PMDB-AL) para ser o novo líder do partido na Casa. A informação foi confirmada por meio da assessoria do peemedebista.

No encontro, integrantes da legenda também ratificaram a indicação do senador Eunício Oliveira (CE) para disputar a presidência do Senado. O nome do senador cearense já era dado certo desde o final do ano passado, quando começaram a avançar as articulações para a sucessão do comando da Casa. A eleição para a Mesa Diretora do Senado está prevista para ocorrer nesta quarta-feira, 1º, a partir das 16h.

Em relação à Renan, ainda havia uma certa expectativa de ele assumir a presidência da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), principal colegiado da Casa e por onde passará a indicação do novo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), que irá substituir Teori Zavascki, morto em acidente aéreo no último dia 19.

Em entrevista durante o recesso, Renan ressaltou que ao descer da cadeira de comando Senado iria vestir o figurino de apagador de “incêndios” do governo na Casa.

No Palácio do Planalto, ele é considerado como “novo Sarney” capaz de dialogar tanto com integrantes da base aliada quanto da oposição. Em razão disso, ao assumir a liderança, Renan Calheiros deve manter-se como principal interlocutor do governo dentro do Congresso.

No momento, os integrantes da bancada discutem a indicação para as demais vagas que deverão ficar com o partido. Para a CCJ, o nome cotado é o do senador Raimundo Lira (PB) e para a segunda vice-presidencia, Marta Suplicy (SP).

Agência Brasil


Exame detecta trombose em Dona Marisa Letícia

Dona Marisa

Um exame de ultrassom feito na ex-primeira-dama Marisa Letícia na tarde desta segunda-feira detectou uma trombose venal profunda (um coágulo sanguíneo) nos membros inferiores. Por causa disso, um filtro foi introduzido no local para evitar uma embolia (obstrução de vaso), segundo informações do último boletim médico divulgado pelo Hospital Sírio-Libanês, nesta terça-feira.

 

A esposa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva está internada há uma semana na UTI, sendo mantida em coma induzido. Pacientes que passam muito tempo acamados costumam apresentar problemas de circulação sanguínea, como ocorreu com Marisa.

 

Apesar do incidente, o Hospital informou que o quadro dela é estável e que ela tem tido “melhora progressiva dos parâmetros evolutivos neurológicos”. “Desde a admissão hospitalar até a presente data, a paciente permanece com controle neurointensivo, apresentando melhora progressiva dos parâmetros evolutivos neurológicos A paciente permanece estável do ponto de vista cardiovascular, com níveis normais de pressão arterial sem necessidade de utilização de medicamentos para controle pressórico. Não há anormalidades na coagulação, função renal ou hepática da paciente”, afirma o boletim.


Calçadas esburacadas e com entulhos atrapalham a vida dos pedestres em Palmeira dos Índios

A responsabilidade das calçadas é do proprietário, mas a Prefeitura é responsável pela fiscalização e pode ser punida por qualquer acidente que possa acontecer.

Rua Francisco Moura (imagens do Google)

Andar a pé pelas ruas de Palmeira dos Índios pode não ser uma tarefa tão simples quanto parece. Da periferia ao centro são calçadas interrompidas por postes, buracos, desníveis e degraus perigosos e até mesmo bloqueadas por entulhos e carros ou simplesmente as calçadas não existem.

Como a prefeitura não tem fiscalizado, as calçadas se transformam em armadilhas para pedestres, sobretudo para idosos, gestantes, mães com carrinhos de bebê e pessoas com deficiências ou mobilidade reduzida.

Na Rua Francisco Moura no Bairro São Luiz a calçada está totalmente “esfarelada”, irregular e com muitas pedras. Luzia Conceição, de 64 anos, já foi vítima da irregularidade do local. “Já torci meu pé após tropeçar em um buraco. Eu estava com meu carrinho que levo para a feira e ele também quebrou após a queda”, conta a idosa.

Calçada estreita e barreira de cimento ao qual é proibida pelo código trânsito. (Rua José e Maria Passos/Foto: Rádio Sampaio)
Calçada totalmente obstruída por entulhos. (Rua Mte. Jaú/Foto: Rádio Sampaio)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Indenização

A Construção e preservação das calçadas são de responsabilidade dos proprietários dos imóveis, mas a fiscalização é da prefeitura, sendo assim o cidadão que sofre algum acidente causado pela má conservação da calçada tem o direito de receber uma indenização paga pelo município segundo decisão da Suprema Corte.

“Ao Município, incumbe o dever de fiscalizar o bom estado do passeio público, cuja obrigação pela conservação é do proprietário do imóvel. Culpa caracterizada, por omissão, ensejando o dever do Município de indenizar o dano material e moral causados”.

Nem na calçada nem na rua. E agora para onde o pedestre vai?

 

Donos da “Rua”

Além do mal estado das calçadas que a população enfrenta todo dia, existem aqueles que não respeitam essa área reservada para pedestre, como mostra um vídeo publicado por Edmilson Sá em uma rede social. Edmilson é deficiente físico e precisa da utilização da cadeira de rodas para sua locomoção, além de enfrentar calçadas sem rampas e variações na altura, ele é obrigado a transitar pela estrada, competindo espaço com os carros.

Professor Edmilon Sá em um vídeo publicado em uma rede social

Nossa equipe registrou alguns flagrantes pela cidade, como entulhos nas calçadas e carros parados no lugar reservado aos pedestres.

Este slideshow necessita de JavaScript.

 


Eike embarca em NY de volta ao Rio; ‘hora de ajudar a passar as coisas a limpo’, diz

Empresário é considerado foragido após ter prisão decretada pela Justiça brasileira. Advogados negociaram retorno.

Eike Batista volta ao Brasil afirmando que vai ‘passar tudo a limpo”

O empresário Eike Batista, considerado foragido após ter viajado a Nova York dias antes da operação policial para tentar prendê-lo, embarcou de volta ao Rio neste domingo (29), onde deve ser detido assim que chegar. Antes do embarque, ele disse que ‘está à disposição da Justiça’.
Ele chegou sozinho ao aeroporto JFK, nos EUA, por volta de 21h50 (horário de Brasília), fez check-in e, minutos depois, passou pelo controle de passaporte. Às 22h15, já aguardava o voo dentro da sala de embarque e pouco depois da meia-noite foi rumo a aeronave.

O voo da American Airlines, de número 973, deixou os EUA à 0h45 (horário de Brasília) e tem chegada programada às 10h30 desta segunda-feira (30) no Rio.
Entrevista antes de embarcar
Dentro da área de embarque, o empresário deu uma breve entrevista. Questionado se tem algo a dizer aos brasileiros, ele declarou que está à disposição da Justiça: “Estou voltando para responder à Justiça, como é meu dever”. “Está na hora de eu mostrar, ajudar a passar as coisas a limpo”, disse.

“Estou voltando, porque sinceramente vou mostrar como é que são as coisas, simples assim”, reforçou Eike. Questionado sobre se mostraria algo que ainda não se sabe, ele evitou o assunto. “Como eu estou nessa fase, me entregando à Justiça, melhor não falar nada. Depois a Justiça e o que for permitido falar, vai acontecer depois, agora não dá”, afimou.
O empresário negou que tenha cogitado fugir para a Alemanha (por conta de também ter cidadania alemã, o que evitaria uma deportação ao Brasil) e disse que viajou a Nova York a trabalho.
De acordo com a coluna de Lauro Jardim, do “O Globo”, Eike será levado para um presídio comum por não ter ensino superior. Segundo a reportagem, os advogados do empresário tentaram negociar a ida dele para um presídio especial mas não tiveram êxito.
Eike Batista é acusado, pelo Ministério Público Federal, de corrupção ativa. Segundo os procuradores , em 2011, o empresário pagou R$ 16 milhões e meio de dólares a Sérgio Cabral, o equivalente a 52 milhões de reais.
Na sexta-feira (27), o Jornal Nacional mostrou imagens da saída de Eike do país. Nelas, aparece de calça jeans e paletó preto chegando para embarcar no aeroporto Internacional Tom Jobim (Galeão).
Como Eike tem passaporte alemão e o país europeu não tem acordo de extradição com o Brasil, havia a preocupação de que o empresário fugisse da Justiça brasileira.
‘Boa vontade’
Os investigadores afirmam que o pagamento feito a Cabral por Eike se deu pela “boa vontade” do então governador do Rio com os negócios do empresário. Mas ainda não sabem, ao certo, que vantagens o empresário recebeu em troca dos milhões.


Dona Marisa Letícia segue na UTI com “condições neurológicas inalteradas”

Ex-primeira-dama foi internada no Hospital Sírio Libanês após sofrer um acidente vascular cerebral hemorrágico na terça-feira (24)

O Hospital Sírio Libanês divulgou na tarde deste domingo (29) novo boletim médico sobre o estado de saúde da ex-primeira-dama Marisa Letícia Lula da Silva. Ela segue internada na UTI do Hospital Sírio Libanês em coma induzido. Segundo o boletim médico, Dona Marisa permanece “segue sob monitorização, com condições clínicas e neurológicas inalteradas”.

Ela foi internada no hospital que fica na região central de São Paulo após sofrer um acidente vascular cerebral hemorrágico na terça-feira (24).

Neste domingo, o ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, foi ao hospital visitar a ex-primeira-dama.

Na sexta-feira (27), Dona Marisa passou por mais uma tomografia para verificar se houve melhora na infecção que se formou em seu cérebro.

Os médicos que acompanham a ex-primeira-dama pediram o novo exame para avaliar se o grau de infecção provocado pela hemorragia cerebral melhorou ou piorou.

Entenda o que é um aneurisma cerebral

O médico Roberto Kalil Filho, chefe da junta que atende Dona Marisa, explicou que a atividade cerebral só chega ao seu pico depois de no mínimo três dias de um trauma como o AVC. Nesta sexta, quando se completa o terceiro dia, o médico estava esperançoso de que seja possível fazer uma melhor avaliação das regiões do cérebro afetadas pela hemorragia.

Segundo o médico, ela já tinha um aneurisma, uma veia cerebral com malformação, diagnosticada há cerca de dez anos. Não havia, na época, indicação cirúrgica, mas apenas de acompanhamento clinico. Segundo ele, foi esse aneurisma que se rompeu. Kalil disse ainda que uma crise hipertensiva “provalmente pode ter rompido o aneurisma”.

O aneurisma cerebral é a dilatação anormal de uma parte da artéria ou uma veia que irriga o cérebro. Essa dilatação faz com que parte do vaso fique mais fina, mais sensível, como se fosse uma bolha, que pode se romper a qualquer momento e provocar uma hemorragia.

Veja o novo boletim médico:

“A paciente Marisa Letícia Lula da Silva continua internada na Unidade de Tratamento Intensivo.

Segue sob monitorização, com condições clínicas e neurológicas inalteradas.

As equipes médicas que a acompanham são coordenadas pelo Prof. Dr. Roberto Kalil Filho, Prof. Dr. Milberto Scaff, Prof. Dr. Marcos Stávale e Prof. Dr. José Guilherme Caldas.

Dr. Antonio Antonietto Dr. Miguel Srougi

Diretor de Governança Clínica Diretor Clínico”


Política: Maioria da bancada de Alagoas projeta Maia como candidato na Câmara

Eleição na Câmara Federal acontece no retorno dos trabalhos legislativos no mês de fevereiro

O atual presidente da Câmara Federal, deputado Rodrigo (DEM-RJ),  aguarda a posição do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre a legalidade ou não de sua candidatura à reeleição. Enquanto isso, ele percorre os estados em busca de apoio das bancadas. Em Alagoas, o democrata já teria, ao menos, sete votos contabilizados para permanecer à frente da Mesa Diretora. Os deputados alagoanos fazem segredo e dizem que vão ”seguir a orientação do partido”. No começo desta semana, a Justiça Federal devolveu a Maia a possibilidade de ser candidato sem ”nenhum problema”.

Integrante da maior bancada da Câmara Federal, o deputado Cícero Almeida (PMDB), disse que seus colegas de partido enxergam com bons olhos a candidatura à reeleição de Maia. Segundo Almeida, apenas uma definição sobre a legalidade da candidatura seria um problema para que ele não voltasse no candidato do DEM. “Ele é um bom presidente, gente boa. Fez muito após Cunha. Acredito que terá o apoio de boa parte dos colegas de partido. É preciso saber sobre essa questão da legalidade”, expôs o peemedebista.

Paulão e Vilela aguardam a decisão do PT e PSDB para se manifestarem oficialmente

 

Os deputados Paulão (PT) e Pedro Vilela (PSDB) alegaram que seus votos vão sair da definição construída nas reuniões partidárias, que devem ser realizadas até o final do mês. O PT demostra simpatia pela candidatura de Jovair Arantes (PTB-GO), já o PSDB deve seguir também o nome apresentado pelo DEM, que é o de Rodrigo Maia. Para Vilela, é importante que o presidente eleito esteja sem sintonia com as pautas que estão sendo apresentadas pelo povo.

 

“Como esta Casa é do povo os deputados não podem virar as costas e eleger um presidente desconectado com a realidade. É preciso um perfil com sintonia com a sociedade, que tenha condições de dialogar e conversar sobre os mais diversos temas, sobretudo, neste momento que estamos passando. O PSDB buscará uma unidade em torno deste nome. Sei que é difícil, mas este é o objetivo do partido neste momento”, colocou Pedro Vilela.

Enquanto o STF não define sobre legalidade, os partidos se articulam por espaço nas secretarias da Mesa Diretora.

Para JHC (PSB), existe um sentimento em comum da sociedade de que não dá mais para conviver com atitudes questionáveis e obscuras. ” O brasileiro demonstrou que não irá mais tolerar falta de transparência. Transparência e independência devem ser as características principais da nova gestão. O próximo presidente deve ter a independência necessária para pautar os projetos de reformas que foram e que serão submetidos à Câmara”, colocou.

 

Durante visita a Alagoas do presidente da Câmara no começo do mês, os deputados JHC (PSB), Givaldo Carimbão (PHS) e Rosinha da Adefal (PT do B) tiveram um encontro com Maia. Na oportunidade, interlocutores apontaram que os parlamentares demostraram simpatia com a candidatura dele. O coordenador da bancada federal de Alagoas, deputado Ronaldo Lessa (PDT), também sinalizou um eventual apoio. “Não teria problema em votar no Rodrigo. É um bom nome”, acrescentou.

 

Pelo regimento da Casa, terá início às 9 horas do dia 2 de fevereiro a eleição para os 11 cargos que compõem a Mesa Diretora que comandará os trabalhos da Câmara dos Deputados entre 2017 e 2019. Serão eleitos um presidente, dois vice-presidentes, quatro secretários e quatro suplentes. Para ser eleito, o candidata precisa de maioria absoluta dos votos em primeira votação ou ser o mais votado no segundo turno. A votação é secreta e realizada em cabines eletrônicas.


Rua José e Maria Passos, nº 25 - Centro - Palmeira dos Índios - AL.

Redes sociais


Facebook

Whatsapp: 82 99641-3231

Fale conosco


82 99641-3231

© 2018 Rádio Sampaio - Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Interactive MOnkey