82 99641-3231

Lobão é o vereador mais votado de Maceió

Da produção de filmes pornôs para o mundo da política. Após várias tentativas, o candidato Anivaldo Luiz da Silva, o Lobão (PR), se consagrou, neste domingo, 2, o vereador mais votado em Maceió.

Lobão, que conseguiu pela primeira vez  ocupar um assento na Câmara Municipal, teve mais de 24 mil votos válidos. A segunda colocada, Tereza Nelma, teve quase 15 mil votos.

“Obrigado pela oportunidade. Faço um trabalho em prol da população e naturalmente o povo acabou respondendo. Agora temos a oportunidade de realizar um bom trabalho e colocar os projetos em prática em parceria com a Prefeitura.  A votação de hoje é o reflexo do trabalho que já desenvolvemos. Trabalho de forma limpa, pois a corrupção é o atraso do nosso país”, disse Lobão em entrevista.

Lobão é de família humilde e cresceu na Vila Brejal. É vocalista de uma banda de rock e ganhou notoriedade na capital alagoana como produtor de filmes eróticos. Desde o ano de 2010, ele tenta integrar a política alagoana. Ao longo dos anos, Lobão produzia vídeos amadores denunciando as mazelas das comunidades de Maceió e pedindo soluções para os problemas.

Este ano, a campanha de Lobão ganhou o apoio do deputado federal por São Paulo, Tiririca.

Em entrevista, o ministro dos Ministério dos Transportes, Porto e Aviação Civil,  Maurício Quintela, presidente estadual do PR, comemorou a vitória expressiva do Lobão e disse acreditar que o vereador eleito irá fazer a diferença na Câmara Municipal.

“Lobão nunca teve oportunidade de ter uma campanha estruturada. O partido estruturou a campanha dele, garantiu as condições mínimas necessárias para disputar uma eleição com condições. Ele é um homem humilde, sério, trabalhador e trabalha pela sua comunidade. Eu não tenho dúvida que, mesmo não sendo conhecido por muita gente, ele vai fazer uma diferença muito grande na Câmara Municipal, vai ser um vereador de destaque”, disse o ministro.

Lobão é eleito o vereador mais bem votado de Maceió
Lobão é eleito o vereador mais bem votado de Maceió

Vereador cai de caminhão durante comemoração de vitória

Através das redes sociais, o vereador Silvânio Barbosa (PMDB) informou que sofreu um acidente, na noite deste domingo (02), quando comemorava sua vitória na eleição com amigos e eleitores. O parlamentar, que foi eleito com 7.160 votos, precisou ser hospitalizado devido ao acidente.

Barbosa caiu de cima de um caminhão, assim como outras pessoas da sua equipe de campanha. Uma equipe do Corpo de Bombeiros prestou socorro às vítimas que foram atendidas e liberadas logo em seguida.Já o vereador precisou realizar exames médicos.

Leia a mensagem que postada nas redes sociais:

A imagem é forte, mas quero tranquilizar a todos dizendo que agora estou bem. Nesse momento ainda me encontro no hospital aguardando para realizar mais alguns exames de imagem. No entanto, o pior já passou. Agradeço a Deus por mais esse livramento e, a vocês, pelas orações e preocupação não só comigo, mas também com as pessoas da minha equipe que também caíram da camionete. Todas já foram medicadas e liberadas do hospital! Um forte abraço e vamos à luta! Graças a Deus e à confiança de mais de 7 mil eleitores, teremos mais 4 anos de trabalho e muita dedicação por Maceió!

silvano2 silvano


Confira os prefeitos eleitos no pleito municipal em todo o estado de Alagoas

Confira abaixo a lista completa com os prefeitos eleitos em todas as cidades de Alagoas:

Água Branca: Zé Carlos (PSDB), 54,55% dos votos

Anadia: Celino Rocha (PDT), com 51,07% dos votos

Arapiraca: Rogério Teófilo (PSDB), 38,04%

Atalaia: Chico Vigário (PMDB), 51,84%

Barra de Santo Antônio: Emanuella Moura (PSDB), 60,59%

Barra de São Miguel: Zezeco (PMDB), 51,02%

Batalha: Marina Dantas (PMDB), 55,86%

Belém: Paula Santa Rosa (PSDB), 5714%

Belo Monte: Val (PRP), 54,04%

Boca da Mata: Gustavo Feijó (PMDB), 55,02%

Branquinha: Jairinho Maia (PSDB), 54,87%

Cacimbinhas: Hugo Wanderley (PMDB), 78,91%

Cajueiro: Palmery Neto (PMDB), 51,59%

Campestre: Pino (PMDB), 50,21%

Campo Alegre: Pauline Pereira (PSDB), 82,63%

Campo Grande: Arnaldo Higino (PRB), 50,70%

Canapi: Vinicius Filho de Zé Hermes (DEM), 60,89%

Capela: Adelminho Calheiros (PMDB), 52,97%

Carneiros: Geraldo Filho (PMDB), 72,65%

Chã Preta: Rita Tenório (PMN), 52,41%

Coité do Nóia: Seninha (PMDB), 52,11%

Colônia Leopoldina: Manuílson Andrade (PSDB), 55,60%

Coqueiro Seco: Decele Damaso (PMDB), 49,51%

Coruripe: Joaquim Beltrão (PMDB), 69,74% dos votos

Craíbas: Ediel Leite (PMDB), 41,38%

Delmiro Gouveia: Padre Eraldo (PSD), 52,78%

Dois Riachos: Ramon Camilo (PRP), 54,75%

Estrela de Alagoas: Arlindo Garrote (PP), 56,86%

Feira Grande: Flávio do Chico da Granja (PSDB), 51,66%

Feliz Deserto: Rosiana (PMDB), 57,50%

Flexeiras: Dona Isa (PP), 57,53%

Girau do Ponciano: David Barros (PTB), 67,46%

Ibateguara: Geo Cruz (PTdoB), 58,11%

Igaci: Dr. Oliveiro (PMDB), 54,07%

Igreja Nova: Dona Vera Dantas (PMDB), 35,33%

Inhapi: Zé Cícero (PT), 48,71%

Jacaré dos Homens: José Floriano (PSB), 51,08%

Jacuípe: Carro Veio (PDT), 44,56%

Japaratinga: Júnior Loureiro (PMDB), 34,55%

Jaramataia: Jefferson Barreto (PSB), 52,22%

Jequiá da Praia: Jeannyne Beltrão (PRB), 55,49%

Joaquim Gomes: Adriano Barros (PSB), 45,16%

Jundiá: Segundo (PMDB), 100% dos votos válidos

Junqueiro: Carlos Augusto (PMDB), 49,51%

Lagoa da Canoa: Tainá do Dr. Lauro (PP), 50,79%

Limoeiro de Anadia: Marcelo Rodrigues (PP), 57%

Maceió: Segundo turno entre Rui Palmeira (PSDB) e Cícero Almeida (PMDB)

Mar Vermelho: Juliana Almeida (PMDB), 50,81%

Maragogi: Sérgio Lira (PP), 57,25%

Maravilha: Conceição Albuquerque (PMDB), 55,21%

Marechal Deodoro: Cacau (PSD), 50,01%

Maribondo: Leopoldo Pedrosa (PRB), 45,12%

Mata Grande: Erivaldo Mandú (PP), 54,47%

Matriz do Camaragibe: Anderson (PSD), 53,95%

Major Isidoro: Santana Mariano (PMDB), 56,72%

Messias: Jarbinhas (PSDB), 54,68%

Minador do Negrão: Gleysson Cardoso (PMDB), 50,10%

Monteirópolis: Mailson Mendonça (PR), 72,24%

Murici: Olavo Neto (PMDB), 62,10%

Novo Lino: Lucia de Vasco (PSDB), 53,72%

Olho d’Água das Flores: Nen (PR), 48,90%

Olho d’Água do Casado: Zé dos Santos (PT), 57,36%

Olho d’Água Grande: Zé Adelson (PSDB), 51,27%

Olivença: Zé Arnaldo (PSD), 50,08%

Ouro Branco: Edimar Barbosa (PMDB), 60,37%

Palestina: Lane Cabudo (PSD), 50,01%

Palmeira dos Índios: Julio Cezar (PSB), 64,62%

Pão de Açúcar: Dr. Flavio (PMDB), 54,21%

Pariconha: Dr. Fabiano (PP), 55,70%

Paripueira: Haroldo Nascimento (PSDB), 85,49%

Passo de Camaragibe: Vânia do Passo (PSD), 50,92%

Paulo Jacinto: Marcos Lisboa (PMDB), 55,95%

Penedo: Marcius Beltrão (PDT), 41,78%

Piaçabuçu: Djalma Beltrão (PRB), 49,57%

Pilar: Renato Filho (PSDB), 44,10%

Pindoba: Maxwell Tenório (PSB), 57,20%

Piranhas: Maristela (PP), 50,58%

Poço das Trincheiras: Aparecida (PMDB), 50,71%

Porto Calvo: David Pedrosa (PMDB), 41,83%

Porto de Pedras: Henrique Vilela (PSDB), 61,06%

Porto Real do Colégio: Aldo Popular (PSDB), 45,06%

Quebrangulo: Marcelo Lima (PMDB), 57,83%

Rio Largo: Gilberto Gonçalves (PP), 32,07%

Roteiro: Wladimir Brito (PDT), 69,97%

Santa Luzia do Norte: Edson Mateus (PRB), 32,33%

Santana do Ipanema: Isnaldo Bulhões (PMDB), 57,09%

Santana do Mundaú: Arthur Freitas (PMDB), 44,12%

São Brás: Marcos (PMDB), 67,25%

São José da Laje: Rodrigo (PMDB), 100%

São José da Tapera: Zé Antônio (PSB), 66,01%

São Luís do Quitunde: Fernanda Cavalcanti (PMDB), 40,05%

São Miguel dos Campos: Pedoca Jatobá (DEM), 47,22%

São Miguel dos Milagres: Bureco Ataide (PSD), 53,81%

São Sebastião: Zé Pacheco (PP), 56,32%

Satuba: Paulo Acioly (PMDB), 54,06%

Senador Rui Palmeira: Jeane Moura (PMDB), 58,48%

Tanque D’arca: Wil (PSD), 32,23%

Taquarana: Bastinho (PP), 55,80%

Teotônio Vilela: Joãozinho Pereira (PSDB), 63,21%

Traipu: Eduardo Tavares (PSDB), 50,59%

União dos Palmares: Kil Freitas (PMDB), 55,19%

Viçosa: Davi Brandão (PDT), 50,50%. eleicoes3


Segurança Pública apresenta dados das eleições 2016

A Secretaria de Segurança Pública de Alagoas (SSP) vai apresentar hoje (03) um balanço das ocorrências e registros feitos durante o período eleitoral em Alagoas. Nos dias que antecederam as eleições e também durante a votação ontem várias equipes da Segurança Pública realizaram diversas diligências e ações em todo o estado para coibir práticas de crime eleitoral.

A decisão é para que tudo seja catalogado com precisão, sem que nenhum dado passe despercebido. Os gestores farão exposição individualizada de suas instituições e, por fim, será apresentado o somatório. Eles também comentarão a participação dos seus efetivos durante o período eleitoral.

“Não adianta passarmos parciais, porque se torna mais cansativo e podemos deixar de apresentar algum dado. Então, amanhã, tudo será apresentado conjuntamente com todos os órgãos”, afirma o secretário da Segurança, coronel Lima Júnior.


Famílias da política de Alagoas vencem onze municípios; veja quais

A renovação política em algumas cidades de Alagoas mostra que famílias tradicionais irão seguir com seus representantes no comando de vários municípios. A maior expressividade ficou com a família Beltrão que venceu em cinco municípios de Alagoas.

Há nomes que possuem grande influência não só nos municípios como também fora do estado, como o caso da família Calheiros, que tem o senador Renan Calheiros, o governador Renan Filho e o deputado estadual Olavo Calheiros.

Porém quem mostrou força e poder político foi a família Beltrão, que ganhou onde disputou. Os dados foram coletados no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com 100% das urnas apuradas.

Família Beltrão

Com grande influência no Litoral Sul do Estado, a família do deputado federal Marx Beltrão pode comemorar os resultados obtidos. Em Coruripe Joaquim Beltrão (PMDB) foi eleito com 69,74% dos votos contra Zé Enéas (PPS), que obteve 20,60% dos votos. Em Jequiá da Praia, Jeannyne Beltrão (PRB) foi eleita com 55,49% dos votos contra Clóvis Torres (SD), que teve 44,51% dos votos.

Em Feliz Deserto, Rosiana Beltrão (PMDB) foi eleita com 57,50% dos votos contra Geraldo Simões (DEM) 42,50% dos votos.

Já em Piaçabuçu, Djalma Beltrão (PRB) foi eleito com 49,57%. Ele disputou contra Dra Lúcia (PSDB) e Dr. Paixão (PRP). E em Penedo Marcius Beltrão (PDT) foi eleito com 41,78% dos votos. Disputou contra Ivana Toledo (PP), que teve 40,09% dos votos.

Família Calheiros

Em Murici, Olavo Calheiros Neto (PMDB) foi eleito com 62,10% dos votos. Ele disputou a prefeitura com Caubi (PSB), que teve 37,73% dos votos.

Já em Messias, o candidato era Pedrinho Calheiros (PHS), que ficou em terceiro lugar. Jarbinhas (PSDB) foi eleito com 54,68% dos votos.

Família Albuquerque

Em Limoeiro de Anadia, a família do deputado estadual Antônio Albuquerque o candidato foi Arthur Albuquerque (PMDB), que perdeu para Marcelo Rodrigues, que foi eleito com 57% dos votos.

Em Maravilha, Conceição Albuquerque (PMDB) foi eleita com 55,21% dos votos. Ela disputou as eleições contra Luizinho, que teve 44,79% dos votos.

Família Pereira

Em Teotonio Vilela, o candidato da família da deputada estadual, Jó Pereira (DEM), foi Joãozinho Pereira (PSDB), que foi eleito com 63,21% dos votos. Ele disputou com Hermínio, que teve 36,79% dos votos.

Em Campo Alegre, Pauline Pereira (PSDB) foi eleita com 82,63% dos votos. Ela disputou com Djalma Sampaio (PTB), 16,58%, e Genaldo Gama (PSOL) 0,79%.

Já em Junqueiro, Carlos Augusto (PMDB) foi eleito com 49,51% dos votos.  Leandro Silva (PPS) teve 49,49% dos votos e Onaldo Tavares (PMN) 1%.

Família Cavalcante

Em São Luiz do Quitunde, a candidata apoiada pelo deputado estadual Cícero Cavalcante foi Fernanda Cavalcante (PMDB). Ela foi eleita com 40,05% dos votos. Fátima Cordeiro (PP), que disputou o cargo, teve 33,21% dos votos, Junior Pedro (PSDB) 26,13% e Mago (PHS) 0,6%.

Família Toledo

A família do deputado estadual Bruno Toledo (Pros), teve como candidato em Cajueiro Lucila Toledo (PSDB), que perdeu para Palmery (PMDB). Ele foi eleito com 51,59% dos votos e Lucila teve 48,41% dos votos.

Em Penedo a família Toledo também perdeu. Ivana Toledo (PP) perdeu para Marcius Beltrão (PMDB).

Família Freitas e Loiola

O deputado Inácio Loila perdeu a eleição na cidade de Piranhas para Maristela Sena Dias (PP), que ocupou o cargo de vice-prefeita no governo de Mellina Freitas e agora é sua opositora.

Ela obteve 6.921 votos, o que representa 50,58% do eleitorado, contra os 6.651 de Loila.

Família Madeira

O ex-prefeito Marcos Madeira (PMDB) perdeu a eleição para Fernando Sérgio Lira (PP) que obteve 57,25% dos votos.


Representantes do MPE, da Justiça Eleitoral e da OAB acompanham lisura da eleição

Representantes do Ministério Público Eleitoral, da Justiça Eleitoral e da Ordem dos Advogados do Brasil acompanham urnas paralelas que atestam confiabilidade do processo eleitoral através de urnas eletrônicas neste domingo (2). A votação paralela acontece na sede do Tribunal Regional Eleitoral, em Maceió.

Três urnas eletrônicas foram sorteadas, ontem (1), para comprovar a integridade das eleições na capital e no interior. Duas urnas foram enviadas para Limoeiro de Anadia e Cacimbinhas, enquanto outra foi para a 54ª zona eleitoral de Maceió. Estas urnas coletaram votos de eleitores tanto por meio de cédula, quanto eletronicamente. O acompanhamento e a correspondência entre os votos físico e digital atestam a impossibilidade de manipulação dos dados.

O Tribunal Regional Eleitoral convocou representantes de instituições relacionadas ao processo eleitoral, como o Ministério Público Eleitoral e a Comissão de Combate à Corrupção Eleitoral, bem como representantes de partidos políticos, para acompanharem a apuração das urnas paralelas neste domingo. No entanto, nenhum partido político enviou representantes. Pela OAB está presente João Odin Gomes Ribeiro.

Para o procurador regional eleitoral em Alagoas, Marcial Duarte Coêlho, estas eleições são as mais fiscalizadas da história, o que pode indicar um novo momento no combate à corrupção. “Este processo de acompanhamento de urnas paralelas é importantíssimo para que os cidadãos acreditem e confiem no processo eleitoral e no sigilo das urnas eletrônicas”, afirmou o procurador.

Raquel Teixeira, procuradora eleitoral, ressaltou o papel das instituições democráticas na fiscalização do processo eleitoral como forma de assegurar que a vontade do cidadão eleitor seja respeitada e as garantias constitucionais asseguradas. “O Ministério Publico Eleitoral atua como olhos do próprio cidadão, ele faz a ponte entre a Justiça e o eleitor. Espero que estas eleições continuem tranquilas e sem maiores intercorrências”.

oab2


Rua José e Maria Passos, nº 25 - Centro - Palmeira dos Índios - AL.

Redes sociais


Facebook

Whatsapp: 82 99641-3231

Fale conosco


82 99641-3231

© 2018 Rádio Sampaio - Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Interactive MOnkey