82 99641-3231

Mulher é ‘embalsamada viva’ após erro médico

Uma mulher russa de 28 anos foi embalsamada viva por engano, enquanto fazia uma cirurgia simples para remoção de cisto nos ovários. Segundo a agência estatal Tass, Ekaterina Fedyaeva recebeu formol – usado normalmente para preservar cadáveres – durante o procedimento, ao invés de uma solução salina.

 

A mulher foi diagnosticada com cistos nos ovários e passou por cirurgia para removê-los em março, em um hospital em Ulyanovsk, cidade no oeste da Rússia, de acordo com a emissora RT.

 

Os médicos tentaram limpar a cavidade estomacal de Ekaterina após administrarem o formol em sua veia, mas já era tarde demais.

 

A sogra de Fedyaeva, Valentina Fedyaeva, disse à RT que após a operação, a moça disse que sentia que estava morrendo. A partir daí seus órgãos começaram a falhar e teve de ser mantida conectada a aparelhos para sobreviver.

 

Segundo a imprensa russa, ela morreu na última quinta-feira, mesmo depois de ser transportada do hospital de Ulyanovsk para um centro médico em Moscou.

 

A cirurgia desastrosa ganhou atenção internacional e foi noticiada em diversos veículos. Rashid Abdullov, ministro da Saúde, Família e Bem-estar Social da região de Ulyanovsk, classificou o caso como “uma tragédia terrível”.

 

“Minhas profundas condolências à família de Ekaterina Fedyaeva”, escreveu Abdullov no Twitter na semana passada. “Esta é uma tragédia terrível. Nós forneceremos toda a ajuda necessária para a família. Os responsáveis pela tragédia já foram responsabilizados e as agências investigativas continuam trabalhando.”

 

Ainda não está claro exatamente como o erro aconteceu, mas segundo Abdullov os médicos esqueceram de ler o rótulo da embalagem da substância química antes de administrá-la durante a operação.

 

As autoridades de Ulyanovsk abriram uma investigação criminal sobre o caso e, por ordem do governo, o médico-chefe do hospital em Ulyanovsk, assim como outros médicos envolvidos na operação, foram demitidos, segundo a imprensa local. Se forem acusados criminalmente e condenados, eles podem ser presos.

Fonte: MSN

Prazo para tirar título de eleitor e transferir domicílio termina em 9 de maio

O eleitor tem até o próximo dia 9 de maio para requerer a sua inscrição eleitoral, alterar dados cadastrais ou transferir o domicílio eleitoral para estar apto a votar nas eleições de outubro.

A data também será o último dia para o eleitor com deficiência ou mobilidade reduzida solicitar sua transferência para seção com acessibilidade.

Ainda de acordo com o calendário eleitoral, 9 de maio será o prazo final para que os presos provisórios e os adolescentes internados que não tiverem inscrição eleitoral regular sejam alistados ou requeiram a regularização de sua situação para votar nas eleições de 2018. Os prazos constam da Resolução 23.555/2017 do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

A inclusão e a atualização da identidade de gênero no cadastro eleitoral também devem ser feitas até o dia 9 de maio para valer nas eleições de outubro. Travestis e transexuais podem incluir o nome social no título de eleitor e no caderno de votação das eleições desde o dia 3 de abril.

 

Quem perder esse prazo só poderá fazer a alteração após as eleições, para os próximos pleitos. O nome social é aquele pelo qual o transexual ou travesti é reconhecido socialmente, diferente do nome civil, que consta na certidão de nascimento. Já a identidade de gênero estabelece com que gênero a pessoa se identifica, masculino ou feminino.

 

Nesta terça (10), a 180 dias das eleições, é o último dia para o órgão de direção nacional do partido político publicar, no Diário Oficial da União, as normas para a escolha e substituição de candidatos e para a formação de coligações. Também amanhã é a data a partir da qual, até a posse dos eleitos, os servidores públicos não poderão receber reajuste salarial.

 

PUBLICIDADE

Pagamento de multas com cartão ainda não tem previsão em Alagoas

Multas de trânsito poderão ser pagas com cartão de crédito feitas em parcelas ou de débito, que poderão ser utilizados para pagamentos integrais. Em Alagoas, os órgãos fiscalizadores informaram que a implementação do projeto está sendo estudada, mas que ainda não há uma previsão de quando devem começar a ser utilizadas as opções de pagamento.

O Departamento Estadual de Trânsito de Alagoas (Detran/AL) explicou que técnicos da chefia de controle de infrações da autarquia continuam estudando sobre essa mudança, mas ainda não tem data prevista para a medida entrar em vigor no Estado.

Em novembro do ano passado logo após a resolução normativa ser anunciada pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran), a equipe de reportagem conversou com o diretor-presidente do (Dentran/AL), Antônio Carlos Gouveia, sobre a medida, e ele disse na época que o projeto estava bem adiantado e já estava sendo apresentado aos demais órgãos de trânsito.

Na época, ele disse ainda que já havia se reunido com os técnicos da área para apresentar o modus operandi.

“Somos um órgão de armazenamento, na verdade a maioria das multas é aplicada por outros órgãos. Trabalhamos em parceria. Mas já nos reunimos com a PRF [Policia Rodoviária Federal] para apresentar o projeto e vamos apresentar aos demais órgãos de trânsito”, explicou Gouveia.

MUNICÍPIO

A Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT) também havia informado que pretendia adotar a resolução para facilitar a vida dos maceioenses que possuíam alguma pendência financeira com o órgão.

Mas, nesta segunda-feira (9), o órgão informou que de acordo com a resolução 697 de outubro de 2017 do Contran, é facultativo para as Superintendências Municipais a cobrança e o pagamento de multas por cartão de crédito, tendo o órgão optado por não oferecer tal serviço.

Em Salvador (BA), os proprietários de veículos já vão poder utilizar as opções de pagamentos a partir de junho.

A Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador) anunciou como será feita a cobrança: “Por cartão de crédito, realizada por empresas, que responderem ao edital de chamamento a ser lançado dentro de aproximadamente 15 dias, se enquadrando nas definições e exigências legais pré-estabelecidas”.

Resolução visa facilitar a quitação de contas atrasadas

 

De acordo com o Conselho, a medida objetiva aperfeiçoar o processo de cobrança e quitação de débitos. O parcelamento poderá englobar uma ou mais multas de trânsito. O órgão de trânsito receberá o valor integral no momento da operação e, então, procederá com a regularização do veículo.

O Contran tem a expectativa de que haja uma redução da inadimplência por parte dos motoristas, a partir desta medida. Já que o parcelamento no crédito é um compromisso entre o titular do cartão e a empresa que o administra e que esta resolução poderá aumentar a procura pelo pagamento de contas de trânsito atrasadas.  O órgão salienta que se a divisão do valor em parcelas gera alguma cobrança de juros, o acréscimo deverá ficar a cargo do titular do cartão, que deve ter acesso a informações sobre custos operacionais antes da efetivação da operação de crédito. Já as operadoras arcarão com possíveis atrasos.

RESOLUÇÃO

Segundo o Contran, a resolução já está em vigor e é preciso que as entidades integrantes do Sistema Nacional de Trânsito, como Detrans, Departamento de Estradas de Rodagem (DER) e Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) façam acordos com empresas para habilitá-las a oferecer o serviço. A norma aponta que elas devem ser autorizadas por instituição credenciadora supervisionada pelo Banco Central do Brasil a processar pagamentos, sem restrição de bandeiras.

Ainda de acordo com a norma, as multas inscritas em dívida ativa; os parcelamentos inscritos em cobrança administrativa; os veículos licenciados em outras unidades da federação; e multas aplicadas por outros órgãos autuadores que não autorizam o parcelamento ou arrecadação por meio de cartões de crédito ou débito não poderão entrar na medida.

COMPROVANTE

Com a transação aprovada no cartão de crédito, a empresa prestadora de serviço deverá disponibilizar ao usuário um comprovante provisório de quitação, listando individualmente os débitos pagos. Em um tempo estimado de 30 a 60 minutos, os comprovantes definitivos de quitação dos débitos deverão ser enviados por meio de mensagem eletrônica no telefone celular (via SMS) ou no e-mail indicado.

Os prazos desta comprovação valem apenas para os dias em que houver expediente bancário, no período de 11h às 16h, sendo que a quitação definitiva das transações realizadas após este horário deverá ser concretizada até a manhã do dia útil imediatamente posterior.

 

 

PUBLICIDADE

Operação conjunta entre AL e PE evita ação criminosa

 

Uma ação conjunta da Deic (Divisão Especializada de Investigações e Capturas) da Polícia Civil de Alagoas, do Batalhão Especializado de Polícia do Interior (Bepi) de Pernanbuco e do Gecoc (Grupo Estadual de Combate as Organizações Criminosas) do Ministério Público de Alagoas, realizada na noite do último sábado (07), na cidade de Buíque, localizou e prendeu quatro pessoas que planejavam realizar assaltos a bancos na região.

As equipes chegarem a uma Pousada onde os suspeitos se encontravam hospedados e prenderam duas pessoas de Sao Paulo.Com eles foram encontrados celulares, um notebook e cerca de R$ 2.000,00.

Um terceiro integrante do grupo criminoso também foi preso no local com duas pistolas Taurus, sendo uma calibre .45, com 11 munições e dois carregadores e outra calibre 9 mm, com 21 munições e dois carregadores, ambas municiadas e carregadas, com número de série pintados.

Já na praça no centro da cidade de Buíque, outro suspeito foi detido, natural do Ceará, com a quantia de R$ 100,00 reais, e um celular.

De acordo com as investigações, eles são integrantes da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital), grupo criminoso que comanda diversos atos ilícitos, como assaltos, sequestros, assassinatos, tráfico de drogas e rebeliões nos presídios. Eles estavam na cidade também para eliminar um desafeto.

Os envolvidos, armas e todo material apreendido foram conduzidos para delegacia de Arcoverde, em Pernambuco, para os procedimentos policiais cabíveis.

A operação resultou de uma parceira entre os estados de Alagoas e Pernambuco, com participação da DEIC/AL, sob o comando do delegado Mário Jorge Barros, GECOC/AL, Policia Civil de Pernambuco, e o BEPI/PE, comandado pelo tenente-coronel PM Ely Jobson.

 


Após vigília com luau, começa preparação para missa

Dona Marisa e Lula (Foto: Divulgação/ Instituto LULA)

 

Era pouco antes da 1h da madrugada quando o samba no carro de som deu lugar aos apoiadores do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, com os gritos de “Lula Livre”, “Lula Guerreiro, do Povo Brasileiro” e “Olê, Olê Olá, Lula, Lula!”.

Mas, por volta de 1h15, os gritos de ordem deram lugar novamente ao samba no carro de som.

Em clima pacífico, a vigília se estendeu por toda a madrugada deste sábado (7).

Às 2h30, era pequena a concentração de apoiadores em frente ao prédio. Boa parte aproveita os espaços disponíveis dentro do edifício para dormir.

Mas, logo ao amanhecer, por volta das 6h, apoiadores do ex-presidente que permaneceram acordados durante a madrugada faziam um luau na escadaria do Sindicato dos Metalúrgicos. Outros simpatizantes continuavam dentro do prédio.

MISSA

Citando o Instituto Lula, a assessoria do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC confirmou que a missa em homenagem às ex-primeira-dama Marisa Letícia vai começar às 9h30, do lado de fora do edifício.

Funcionários do sindicato pediram para os simpatizantes do ex-presidente Lula desocuparem os andares do prédio para limpeza e se dirigirem ao térreo.


Lula pretende se entregar, após missa para Marisa Letícia

 

Dois emissários do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva negociam com a Polícia Federal os termos de rendição para que o petista seja preso. Ainda não há uma decisão sobre como será o procedimento a ser adotado.

A cúpula da Segurança Pública de São Paulo foi informada por fontes próximas de Lula que o ex-presidente deve permanecer no Sindicato dos Metalúrgicos até o final da missa em homenagem a mulher, Marisa Letícia, que faria 68 anos neste sábado, 7. Após a missa, os advogados informaram aos negociadores que o presidente pretende se entregar em São Paulo.

A cúpula do PT decidiu organizar uma missa neste sábado, 7, em homenagem à ex-primeira-dama Marisa Letícia Lula da Silva que completaria 68 anos. O ato deve ser realizado na sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo.

Marisa morreu em 3 de fevereiro de 2017, vítima de Acidente Vascular Cerebral (AVC) que sofreu no dia 24 de janeiro. Ela foi casada com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva por 43 anos e o acompanhou desde o início da trajetória política do sindicalista.

Nesta sexta-feira, 6, a presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann, tuitou. “Amanhã (sábado, 7) dona Marisa faria 68 anos! Não estará celebrando com Lula e sua família. Às 9:30h teremos, no Sindicato dos Metalúrgicos, uma missa em sua homenagem!”.

 

PUBLICIDADE

Rua José e Maria Passos, nº 25 - Centro - Palmeira dos Índios - AL.

Redes sociais


Facebook

Whatsapp: 82 99641-3231

Fale conosco


82 99641-3231

© 2019 RÁDIO SAMPAIO - Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Interactive MOnkey