82 99641-3231

CSE empata com o Murici fora de casa e segue invicto no estadual

Jogando no estádio José Gomes da Costa, em Murici, o CSE enfrentou o time que leva o mesmo nome da cidade. O tricolor buscava sua segunda vitória na competição, já o Alviverde tentava vencer pela primeira vez no alagoano deste ano.

Em jogo bastante disputados, o placar não saiu do zero. O tricolor segue invicto no estadual com uma vitória e dois empates. No próximo domingo o tricolor volta ao Juca Sampaio para receber o Coruripe.


O embalado CSE busca 2ª vitória fora de casa, diante do Murici

Time comandado por Roberval Davino iniciou o campeonato estadual com dois resultados negativos. Sem derrota, Tricolor quer se manter entre líderes do Grupo B

O Murici é um dos quatro times que não venceram nas duas primeiras rodadas do Campeonato Alagoano. A equipe perdeu em casa no último compromisso e, novamente ao lado da torcida, tem a chance de buscar os primeiros pontos na competição. O adversário será o CSE, nesta quarta, às 16h, no Estádio José Gomes da Costa.

A derrota para o ASA, na última rodada, ligou o alerta para a necessidade de vitória. O que favoreceu a situação do Verdão no estadual foi o desempenho dos adversários do Grupo A. CEO e Sete de Setembro também não pontuaram. O técnico Roberval Davino não perdeu jogador por suspensão para o confronto diante do Tricolor. Na parte disciplinar, o zagueiro Edson Veneno está pendurado com dois cartões amarelos.

CSA x Murici, em Coruripe (Foto: Ailton Cruz / Gazeta de Alagoas)Após duas derrotas, Murici quer a recuperação com vitória contra o CSE (Foto: Ailton Cruz / Gazeta de Alagoas)

O CSE vai para a segunda partida seguida como visitante e quer manter o retrospecto recente de bons resultados. A equipe do técnico Givanildo Sales não perdeu nos amistosos de pré-temporada e tem uma vitória e um empate no estadual. O triunfo diante do CEO nos minutos finais deixou o Tricolor próximo aos principais adversários do Grupo B, CSA, ASA e Santa Rita. O zagueiro Emerson e o meia Palhinha estão pendurados com três cartões amarelos. O time titular da última partida não deve passar por mudanças.  A Delegação tricolor  viajou de Palmeia dos Índios  nesta terça feira  após o almoço e  está hospedada na cidade de União dos Palmares .

Após o jogo a equipe do CSE retorna a Palmeira, já que no sábado as 20:00 horas no Estádio Juca Sampaio, enfrenta o Coruripe pela 4º rodada do alagoano

CSE x CRB, no Juca Sampaio (Foto: Ailton Cruz/Gazeta de Alagoas)Com moral, CSE tenta mais três pontos fora de Palmeira dos Índios (Foto: Ailton Cruz/Gazeta de Alagoas)

Francisco Carlos Nascimento comanda a partida entre Murici e CSE, auxiliado por Douglas Lino da Silva e Carlos Vinícius Cavalcante. O quarto árbitro será Wilton Fernandes Souza.

HEADER escalacoes 690 (Foto: Infoesporte)

 

Murici: Dias; Paulo Sérgio, Claudio, Edson Veneno e Thalisson; Gueba, Deizinho, João Paulo e Tarcísio; Bruno e Alexsandro. Técnico: Roberval Davino

CSE: Adilson; Jonas, Emerson, Breno e David; Jacobina, Sorato (Mateus), Diego Costa  e Palhinha;  Danilo Lins  e Etinho. Técnico: Givanildo Sales


Etinho marca nos acréscimos e garante vitória do CSE contra o CEO

Tricolor vence por 1 a 0 e permanece na quarta colocação do grupo B. Time olhodaguense acumula a segunda derrota na competição e segue sem pontuar

foto: CSE/Ilustração

O CEO recebeu o CSE no Estádio Edson Matias, em Olho d’Água das Flores, pela segunda rodada do Campeonato Alagoano. Jogando fora de casa, o Tricolor venceu o jogo por 1 a 0, gol marcado por Etinho aos 46 minutos do segundo tempo da partida.

Com o resultado, o CSE soma quatro pontos e permanece na quarta colocação do grupo B. O CEO acumula a segunda derrota e segue sem pontuar na competição.

O próximo compromisso do CEO será contra o Miguelense, também no Edson Matias, na quarta-feira, às 20h30. No mesmo dia, o CSE vai até Murici para enfrentar os donos da casa, no Estádio José Gomes da Costa. A partida está marcada para as 16h.

HEADER escalacoes 690 (Foto: Infoesporte)

CEO: Diogo; Elenilton, Cirlan, Cruz e Nildo; Wagner, Álvaro, Jan e João Grilo; Cesar e William. Técnico: Edson Ferreira.

CSE: Adilson; Jonas, Emerson, Breno e David; Jacobina, Danilo Lins, Sorato e Palhinha; Etinho e Diego Costa. Técnico: Givanildo Sales.


Governador reabre nesta quarta-feira (25) setor de cadeiras especiais do Rei Pelé

Reforma permitirá liberação de 800 assentos; Governo anunciará ainda apoio a todos os clubes que participam da 1ª divisão de futebol

O Governo do Estado reabre, nesta quarta-feira (25), às 9h, o setor de cadeiras especiais do Estádio Rei Pelé, após recuperação estrutural da área. Com o término das obras, executadas pela Secretaria de Estado da Infraestrutura (Seinfra), serão liberados mais 800 assentos especiais, já disponíveis para a partida de abertura da Copa do Nordeste, entre CSA e ABC, às 19h45.

 

O governador Renan Filho estará presente ao evento e anunciará também o apoio a todos os clubes alagoanos que participam da primeira divisão do Campeonato Alagoano de Futebol de 2017 (Miguelense, ASA, CSA, CEO, CRB, Santa Rita, CSE, Coruripe, Murici e Sete de Setembro).

 

Para garantir a segurança dos torcedores, o Estado investiu R$ 872 mil na obra de recuperação de parte do setor de cadeiras. O serviço, iniciado em agosto do ano passado, prevê o escoramento definitivo das lajes, dos pilares e das vigas metálicas, além da recomposição das ferragens e do concreto armado, para impedir o surgimento de novas fissuras.

 

“Com esse trabalho vamos habilitar a área para a vinda de mais torcedores e garantir a sua segurança. Como no passado houve uma deformação na laje, ocasionada por estrago do concreto armado, foi feito um serviço de escoramento metálico permanente da estrutura inferior. Na sequência entramos com a recuperação de ferragens expostas e do concreto”, explicou o superintendente estadual de projetos especiais, Alzir Lima.

 

 

De acordo com a secretária de Estado da Infraestrutura, Aparecida Machado, a meta era entregar todo o setor recuperado já para a primeira partida do ano sediada no Rei Pelé. “As 800 cadeiras especiais já estarão liberadas para a partida entre CSA e ABC, permitindo que mais torcedores acompanhem de perto a atuação de seus clubes e prestigiem o esporte local”, enfatizou.

 

A secretária também lembrou o incremento do setor para o faturamento dos clubes. “Em campeonatos locais e regionais, a estimativa é de que haja um acréscimo de R$ 64 mil a R$ 80 mil na venda de ingressos, após a liberação dessas cadeiras. Já em disputas nacionais é possível chegar a uma média de R$ 120 mil só com a venda desses 800 lugares”, enfatizou Aparecida Machado.

 

Reforma do Sistema de Combate a Incêndio e Pânico

 

O Governo de Alagoas também toca outra importante obra dentro do Trapichão. Além da recuperação do setor de cadeiras, a Seinfra comanda a reforma do Sistema de Combate a Incêndio e Pânico, com investimento de R$ 1,7 milhão.

 

 

Com 30% dos trabalhos executados, a obra tem conclusão prevista para março deste ano. “Os serviços incluem toda a substituição de hidrantes, mangueiras e sistema elétrico, além de reformas nas paredes das rotas de fuga e elevação dos guarda-corpos, que estavam abaixo da norma”, explicou o engenheiro Victor Leonardo, responsável pela obra.

 

Segundo a secretária Aparecida Machado, as obras representam a valorização do esporte nas políticas adotadas pelo governo estadual e a preocupação constante com o bem-estar dos alagoanos.

 

“O Rei Pelé é o principal palco do esporte no Estado de Alagoas e merece toda a nossa atenção. Por isso, assumimos essas duas importantes obras, que irão reforçar a segurança no estádio e garantir mais conforto e tranquilidade aos torcedores”, salientou Aparecida Machado.

 

 


Romário aparece mais magro e chama atenção em praia do RJ

Com uma aparência muito mais magra, o Senador Romário Faria despertou a atenção de quem passeava pela orla de Copacabana, no Rio de Janeiro.

O ex-jogador, teve que passar por um procedimento cirúrgico com o objetivo de reduzir a diabetes. O baixinho chegou a emagrecer cerca de 10kg após a cirurgia.

O procedimento feito no político, aproximou do estômago uma parte do íleo, porção final do intestino delgado, para estimular a ação da insulina no pâncreas, diminuindo assim a diabetes.


Em estreia no Alagoano 2017, CSE e CRB ficam no empate de 1×1 no Juca Sampaio

Gols só saíram na etapa complementar. Galo abriu o placar com o atacante Neto Baiano. Também atacante Etinho marcou para o tricolor xucuru

Na estreia das duas equipes no Campeonato Alagoano 2017, CSE e CRB ficaram no empate de 1×1 jogando na tarde deste domingo no Estádio Juca Sampaio. Os gols só saíram na etapa complementar. Atacante Neto Baiano, para o visitante CRB, abriu o placar. E o também atacante Etinho evitou a derrota para o CSE.

Na próxima rodada o CSE vai a Olho D’Água das Flores para enfrentar o CEO enquanto que o CRB pega o Miguelense. Estes jogos vão ser no domingo, dia 29.

O jogo

O jogo começou com o CSE tomando a iniciativa de ataque com Ila, que subiu pela ponta direita até fazer o centro e a defesa do CRB cortar para lateral. Mas logo o Galo domou as rédeas da partida ao adiantar seus jogadores e ganhar, na maioria das vezes, a segunda bola. Apesar do domínio territorial regatiano, a chance de maior emoção no 1º tempo foi do tricolor palmeirense com o lateral-esquerdo Diego Costa, que deslocado pelo meio soltou a bomba, obrigando o goleiro Juliano a se esticar e dar um tapa para escanteio a bola que ia entrando no ângulo esquerdo.

 

Na volta para o 2º tempo o treinador Givanildo Sales deixou seu time mais ofensivo ao trocar o armador Sorato pelo atacante Rhuann. Mas foi o CRB que primeiro chegou ao fundo da meta quando aos 10 minutos o estreante Jocinei finalizou rasteiro da entrada da área e contar com o desvio de Neto Baiano para abrir o placar no Estádio Juca Sampaio.

Por dez minutos o CSE sentiu o impacto. A partir daí foi pra cima em busca ao menos do empate. E acabou conseguindo igualar o placar aos 29 minutos através de escanteio batido pela direita. Houve bate-rebate na área regatiana até que Etinho pegou a sobra para tocar para o fundo da meta e comemoração da torcida local.

O CSE criou outra boa oportunidade para virar o marcador aos 43 minutos, quando o atacante Ila deu outra arrancada pela direita até ser derrubado pelo zagueiro Gabriel perto da área, na chamado escanteio de mangas curtas. Porém, na cobrança desta falta a bola foi para a linha de fundo, sem perigo para o arqueiro Juliano.

 

No último lance da partida o CRB pôde ter confirmado a vitória, mas em cobrança de falta, frontal, Maxwell, que havia sofrido carga faltosa do zagueiro Emerson, e que rendeu cartão amarelo para este, bateu para o goleiro Adilson segurar firme. Não houve mais tempo pra nada e o árbitro deu o apito final aos 48 minutos.


Rua José e Maria Passos, nº 25 - Centro - Palmeira dos Índios - AL.

Redes sociais


Facebook

Whatsapp: 82 99641-3231

Fale conosco


82 99641-3231

© 2018 Rádio Sampaio - Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Interactive MOnkey