82 99641-3231

Palmeira: Criança consegue atendimento na UPA após denuncia da Rádio Sampaio

Prefeito estava ouvindo o programa e entrou em contato com a Rádio Sampaio para resolver problema de imediato

Pediatria da Unidade de Pronto Atendimento (Foto: Cayo César)

 

A mãe de uma menina de apenas 9 anos de idade, procurou a equipe de jornalismo da Rádio Sampaio para noticiar o não atendimento médico de sua filha. A criança apresentou sinais de infecções após uma ferroada de escorpião em sua perna, segundo relato a menina foi levada para a urgência na Unidade de Pronto Atendimento, mas teve o socorro negado.

No momento que o caso era divulgado o Prefeito do município de Palmeira dos Índios, Julio Cezar, que estava ouvindo a Rádio Sampaio, ligou para a produção do programa e falou ao vivo que iria imediatamente procurar a

Prefeito Julio Cezar junto com representantes da secretaria de saúde e assistência social da UPA. (Foto: Cayo César)

direção da UPA para esclarecer o fato e a criança ter o atendimento adequado.

 

“Agradeço imensamente a equipe da Rádio Sampaio que me socorreu e me deram voz de pedir socorro as autoridades para que minha filha tivesse atendimento médico.”, disse a mãe da criança.

A criança foi levada por uma ambulância até a unidade de saúde, onde foi acompanhada por nossa equipe de reportagem e pelo prefeito. Já na UPA, a criança foi classificada e atendida pela equipe médica, onde viu a necessidade de sua internação para tratar uma infecção que atingia sua perna.

“Como prefeito eu vim aqui dá apenas um recado a UPA, e espero que seja a ultima vez que um caso como esse aconteça na unidade de pronto atendimento de Palmeira, porque se a UPA não mudar eu não tenho problema nenhum de mudar a administração da UPA.”, enfatizou o prefeito durante reunião com a direção da UPA.

 

Vigilância Sanitária

Vigilância Sanitaria em fiscalização na UPA (Foto: Cayo César)

Ainda na UPA o prefeito acionou a Vigilância Sanitária para que os técnicos realizassem uma inspeção por toda a instalação da unidade de saúde e apresentassem um relatório com todos os problemas e irregularidades encontradas no local.

“Aqui a gente coloca 600 mil reais todo mês, e esse dinheiro precisa ser revertido com qualidade para essas pessoas.” Disse o prefeito Júlio Cezar.


Rádio Sampaio se une com a sociedade civil e secretaria de saúde para combater surto de diarreia

Uma reunião realizada na manhã desta quinta-feira  (01), traçou algumas propostas de combate às Doenças Diarreicas Agudas (DDAS) em Palmeira dos Índios. A convocação foi feita pela Secretaria Municipal de Saúde, a fim de discutir sobre o surto que o município vem enfrentando, e assim, montar um plano para erradicar essas doenças e desafogar as unidades de saúde.

O quadro geral da situação foi apresentado pela diretora da Vigilância Epidemiológica, Rebeca Oliveira, que expôs os dados computados nos últimos cinco meses, notificações de casos, porcentagem de casos por faixa etária e as recomendações necessárias. O público mais atingido são crianças e idosos, visto que desidratam mais rápido. Por isso a preocupação em manter a higiene pessoal e do ambiente.

Vários problemas que a saúde pública enfrenta foram explanados durante a reunião. Uma delas é a cultura de se construir ou instalar caixas d’água e reservatórios inacessíveis, dificultando o trabalho dos agentes de endemias nas residências.”Maioria dessas caixas estão em locais inacessíveis, semiabertas, facilitando a procriação do mosquito Aedes aegypti”, disse Rebeca.

“A sociedade precisa se ajudar, pois só as campanhas educativas não estão sendo suficientes. Não está surtindo efeito. Não adianta minha casa tá toda limpinha, caixas bem tampadas e tudo o mais, enquanto que a do meu vizinho me prejudica. Palmeira tem um potencial turístico riquíssimo, mas pra que isso seja desenvolvido é necessário que a saúde do município seja colocada nos eixos. Temos essa urgência em salvar nossa cidade, cuidar da parte sanitária, e só conseguiremos com o apoio de toda a população, porque sozinhos não temos mais como dar conta, por isso estamos aqui, hoje, para ouvir a sociedade e assim traçarmos um plano de combate para acabar com essas mazelas”, disse a secretária Kátia Born.

Ficou estipulado de cada representante elaborar ações que deverão ser postas em prática já a partir do próximo mês. Ficaram sugeridos mutirões em parceria com o Exército e intensificar os trabalhos nas escolas e bairros. A apresentação das ideias será discutida e aprovada em uma reunião marcada para o dia 14 de junho, às 9h, na sede da Secretaria. Logo após a junção de ideias, o comitê irá apresentá-las na Câmara de Vereadores do município para que os vereadores possam intermediar as ações juntamente com a população e os órgãos envolvidos.

Estavam presentes representantes do Colégio Paulo Freire, Unidade de Pronto Atendimento (UPA), Cesmac Campus Sertão, Exército Brasileiro, Câmara de Vereadores, Rádio Sampaio, Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs) e Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal).


SUS passa a oferecer novo medicamento para esclerose múltipla

O Sistema Único de Saúde (SUS) vai oferecer mais um medicamento para pacientes diagnosticados com esclerose múltipla, a teriflunomida, que ajuda a reduzir os surtos e a progressão da doença. De acordo com o Ministério da Saúde, o remédio será o primeiro medicamento da primeira linha de cuidado, por via oral.

O tratamento estará disponível nas unidades de saúde de todo o país em até seis meses e deve atender a cerca de 12 mil pacientes que já são tratados na rede pública, além dos novos casos.

A esclerose múltipla afeta adultos na faixa de 18 aos 55 anos de idade. No Brasil, a taxa de prevalência da doença é de aproximadamente 15 casos por 100 mil habitantes. Há quatro formas de evolução clínica: remitente-recorrente, primariamente progressiva, primariamente progressiva com surto e secundariamente progressiva. A forma mais comum é a remitente-recorrente, representando 85% de todos os casos no início de sua apresentação.

A esclerose múltipla é uma doença autoimune que acomete o sistema nervoso central, causando desmielinização e inflamação. O quadro clínico se manifesta, na maior parte das vezes, por surtos ou ataques agudos, podendo entrar em remissão de forma espontânea ou com o uso de corticosteroides.

Os sintomas mais comuns são neurite óptica, paresia ou parestesia de membros (sensações como formigamento, pressão, frio ou queimação), disfunções da coordenação e equilíbrio, mielites, disfunções esfincterianas e disfunções cognitivo-comportamentais, de forma isolada ou combinadas.

Atendimento

Atualmente, o SUS oferece seis medicamentos para o tratamento da doença: betainterferona (1a injetável e1b injetável); fingolimode 0,5mg; glatiramer 20 mg injetável; natalizumabe 300 mg; azatioprina 50 mg e o metilprednisolona 500mg. Além disso, o sistema público tem 277 hospitais habilitados como Unidade de Assistência ou Centro de Referência de Alta Complexidade em Neurologia/Neurocirurgia em todo o país.


Saúde realiza oficinas do PAMQ em Palmeira dos Índios

Kátia Born, Secretária Municipal de Saúde de Palmeira dos Índios (Foto: Cayo César/ Rádio SAMPAIO)

Assessoria

Com o propósito de por em pratica o planejamento de ações das equipes de saúde do município, a Secretaria Municipal de Saúde de Palmeira estará realizando oficinas do Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica (PMAQ) durante o mês de junho.

Todos os profissionais estarão reunidos no evento, e para um melhor aproveitamento e sucesso da ação, as unidades estarão fechadas no dia programado. A Secretaria pede a compreensão da população, ao tempo que solicita que qualquer ação a ser realizada no seu posto, seja feita antes ou depois da referida data.

As oficinas serão realizadas no Auditório do Dnocs, conforme cronograma abaixo:

Data da Oficina

Hora

Unidade de Saúde da Família

06/06

8h

USF Denilma Bulhões e USF Caraíba Torta

06/06

14h

USF Vila Maria e USF Xucurus

07/06

8h

USF Oásis II e USF Centro

08/06

8h

USF Oásis I e USF Canafístula

09/06

8h

USF Coruripe da Cal e USF Eucalipto

12/06

8h

USF Boa Sorte e USF São Cristóvão II

13/06

8h

USF Boa Vista e USF São Cristóvão I

14/06

8h

USF Bonifácio e USF Vila João XXIII

19/06

8h

USF Santo Antônio e USF Salgada

20/06

8h

USF Serra da Mandioca e USF São Francisco

21/06

8h

USF Algodãozinho e USF Vila Nova


Secretaria de saúde divulga resultado preliminar do processo seletivo

 

Após a Secretária de Saúde, Katia Born, anunciar no Programa Nosso Encontro da Rádio Sampaio que o resultado preliminar do PSS da saúde sairia hoje, a Prefeitura de Palmeira dos Índios divulgou, nesta terça-feira (30), o resultado preliminar da Seleção Pública para a saúde.

Katia Born justificou a demora do resultado por conta do grande número de inscritos, por causa disso a equipe que acompanhava o PSS precisou alterar o calendário de resultados prorrogando para hoje.

Edital do processo seletivo:

Clique aqui


Unidade de Emergência do Agreste divulgou relatório de atendimento do último final de semana

Unidade de Emergência do Agreste
O Hospital de Emergência Daniel Houly (HEDH), em Arapiraca, registrou 232 atendimentos de sábado (27) até as primeiras horas desta segunda-feira (29).
Os casos que mais chamaram a atenção foram os atendimentos a 65 pessoas vítimas de queda da própria altura e 56 pessoas atendidas por conta de colisões e quedas de motos.
O hospital também registrou um atendimento por agressão com arma de fogo e um atendimento a vítima de agressão com arma branca (faca/facão).
Oito pessoas chegaram ao hospital por conta de picada de escorpião.
Dos 232 pacientes que deram entrada no Hospital de Emergência do Agreste, no sábado até a madrugada desta segunda-feira, 214 pacientes receberam alta médica, uma pessoa faleceu por conta de acidente no trânsito e 17 pessoas continuam internadas e em observação médica.
Fonte: Assessoria

Rua José e Maria Passos, nº 25 - Centro - Palmeira dos Índios - AL.

Redes sociais


Facebook

Whatsapp: 82 99641-3231

Fale conosco


82 99641-3231

© 2019 RÁDIO SAMPAIO - Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Interactive MOnkey