Dois detentos são assassinados na Casa de Custódia de Maceió

| Redação Rádio Sampaio


Crédito: Divulgação / Sindapen

Dois reeducandos foram assassinados na tarde desta quinta-feira, 12, na Casa de Custódia, conhecida como “Cadeião”, que faz parte do Sistema Prisional de Maceió. A informação foi confirmada pelo presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários (Sindapen), Kleyton Anderson.

As vítimas foram identificadas como Alexsandro Neves Breno, de 40 anos, natural de Sergipe, que estava no módulo 2, e Jonathan Marques Tavares, de 25 anos, natural de Maceió, que estava no módulo 1 do presídio. Sabe-se também que eles estavam acomodados em locais onde estão detidos reeducandos ligados a uma determinada facção criminosa.

“Uma das possibilidades é de que tenham descoberto que estes dois detentos mortos tivessem ligação com outra facção, rival ao dos seus companheiros de cela, e decidiram eliminá-los”,  explicou Kleyton.

O motivo das mortes ainda não foi confirmado. Em entrevista o Secretário de Ressocialização e Inclusão Social (Seris), coronel Marcos Sérgio, afirmou que um dos autores de um dos assassinatos já foi identificado.

Alexsandro tinha envolvimento com homicídios e já havia fugido do presídio Baldomero Cavalcanti, em 2006. Jonathan foi preso por tráfico de drogas no dia 16 de dezembro do ano passado e estava no presídio a menos de um mês.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

%d blogueiros gostam disto: