Cruzeiro anuncia a contratação de Rogério Ceni

Rogério Ceni, ex-técnico do Fortaleza, é o novo treinador do Cruzeiro — Foto: Diário do Nordeste
Rogério Ceni, ex-técnico do Fortaleza, é o novo treinador do Cruzeiro — Foto: Diário do Nordeste

O Cruzeiro levou menos de quatro dias para anunciar o nome do novo técnico: Rogério Ceni, que assina com o clube até o fim de 2020. O ex-treinador do Fortaleza, de 46 anos, vai conduzir a equipe mineira na caminhada de recuperação no Campeonato Brasileiro e no desafio de buscar a classificação à final da Copa do Brasil, diante do Internacional, após derrota por 1 a 0, no confronto de ida em Belo Horizonte.

Ceni, que estava trabalhando em Fortaleza desde o fim de 2017, entrou na pauta do clube após a saída de Mano Menezes, que deixou o cargo por causa do mau momento vivido pelo clube mineiro. Nas últimas 18 partidas, sob o comando do ex-treinador, o Cruzeiro conseguiu apenas uma vitória e passou a figurar na zona de rebaixamento do Brasileirão.

O acerto entre as partes foi feito diretamente com o novo treinador e concluído na noite de sábado, de acordo com a cúpula da Raposa. Segundo a assessoria cruzeirense, o técnico desembarca em Belo Horizonte na tarde de segunda-feira, em horário a ser confirmado. Com Rogério Ceni, também chegam à Toca da Raposa o francês Charles Hembert, auxiliar técnico, e Nilson Simões, também auxiliar técnico. Também vem Danilo Augusto, preparador físico.

Eles substituem Sidnei Lobo e James Freitas, auxiliares técnicos de Mano Menezes, e também Eduardo Silva, preparador física. A multa rescisória de Rogério Ceni, segundo apurou a reportagem, gira em torno de R$ 1 milhão.

Ceni como treinador

Foto: Thiago Gadelha / Diário do Nordeste

Em 2015, com 1.214 jogos pelo São Paulo e 129 gols, Rogério deixou a posição de goleiro para iniciar a carreira de técnico. Como treinador, Rogério ganhou a primeira oportunidade também no clube do Morumbi, em 2016. O desempenho irregular acarretou na demissão dele do cargo em julho de 2017, tendo comandado o time em 37 partidas, sendo 14 vitórias, 13 empates e dez derrotas.

Ainda em 2017, Ceni foi contratado pelo Fortaleza, assumindo apenas no início de 2018. A passagem pelo clube cearense foi vitoriosa. Ceni conquistou o acesso à Série A e o título de Campeão da Série B, com duas rodadas de antecedência, em 2018. Nesta temporada, conseguiu o título de campeão cearense, diante do Ceará, e também venceu a Copa do Nordeste, superando o Botafogo-PB.

No Brasileirão, o Fortaleza faz campanha para se afastar da zona de rebaixamento. No primeiro semestre de 2019, Ceni foi procurado para assumir a vaga de técnico do Atlético-MG, após a saída de Levir Culpi. O treinador recusou a proposta alegando o compromisso com a equipe nordestina e também motivos pessoais, já que o pai dele passava por problemas de saúde naquele momento.

Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta