Coren-AL alerta para possível paralisação do HGE por falta de equipamentos

| Redação Rádio Sampaio


Após recebe denuncia dos profissionais de Enfermagem do Hospital Geral do Estado sobre falta de luvas e outros Epi’s básicos, a presidente do Coren-AL, Zandra Candiotti, entregou nesta terça-feira (08) no HGE o documento solicitando à direção a aquisição dos materiais sob pena de paralisação das atividades de Enfermagem.

Segundo a presidente do Coren-AL, já é do conhecimento de todos que os profissionais que exercem a enfermagem do HGE enfrentam sérios problemas estruturais, de sub dimensionamento, bem como, de falta de condições mínimas de trabalho. Fatos estes que já foram comunicados às autoridades competentes inúmeras vezes este ano. No entanto, a falta de Epis básicos como luvas não fornece condições mínimas aos profissionais de exercerem suas atividades.

Caso os Epi’s não sejam adquiridos com urgência pelo Hospital os profissionais de Enfermagem estão orientados a parar suas atividades, atitude tomada com base nos artigo 61 e 64 do Código de Ética da Enfermagem, que rege o direito do profissional: “Art. 61 – Suspender suas atividades, individual ou coletivamente, quando a instituição pública ou privada para a qual trabalhe não oferecer condições dignas para o exercício profissional ou que desrespeite a legislação do setor saúde, ressalvadas as situações de urgência e emergência, devendo comunicar imediatamente por escrito sua decisão ao Conselho Regional de Enfermagem”

Em oficio, o Coren-AL solicitou ação imediata da direção do Hospital para a resolução do problema e alerta para a possibilidade da suspensão das atividades da equipe de enfermagem em razão da falta de segurança técnica para o profissional

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

%d blogueiros gostam disto: