Atriz da Globo é denunciada por discriminação a nordestinos na câmara

| Redação Rádio Sampaio


O deputado federal alagoano Pedro Vilela (PSDB) denunciou, na tarde desta terça-feira (25), que o povo nordestino foi vítima de mais um ato de estupidez preconceituosa, protagonizado pela atriz Alexia Dechamps. Antes do início da audiência pública que debateu a regulamentação da vaquejada na Câmara dos Deputados, Vilela discutiu com a atriz da Rede Globo e, em seguida, denunciou que ela deveria ser enquadrada pela prática de crime de racismo.

De acordo com o relato de Pedro Vilela, Alexia Dechamps virou-se para o público da audiência composto em sua maioria por vaqueiros nordestinos, e ordenou: “Calem a boca, que eu já pago o Bolsa Família para o Nordeste”. A atriz negou e prometeu processar Vilela, chamado de oportunista.

“Um ato de discriminação e preconceito, seja ele de qualquer tipo, não deve jamais ser tolerado e sim sempre ser denunciado. E será assim que irei proceder, tantas as vezes em que eu me deparar com situações como essa. Tomara que não mais aconteça. Aproveito pra agradecer o apoio que tenho recebido. Essa tem que ser uma luta de todos. Obrigado”, disse Pedro Vilela em postagem em seu perfil do Instagram, na manhã desta quarta-feira (26).

Neto do saudoso senador Teotônio Vilela, o Menestrel das Alagoas, o deputado federal Pedro Vilela considerou que Dechamps teve postura inapropriada e repulsiva, independente da posição da atriz, contrária à vaquejada. “Ela desrespeitou um povo que muito trabalha para o crescimento do Brasil”, condenou o deputado, que exigiu da procuradoria da Câmara punição exemplar a atriz.

Em seu Instagram, o parlamentar publicou o seguinte vídeo, em que discutia rispidamente com Alexia Dechamps, repetindo “Me respeite! Não sou seu filho!” e denunciando a agressão ao povo nordestino, ao pedir a palavra na audiência pública.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

%d blogueiros gostam disto: