Duas pessoas foram baleadas e morreram no começo da manhã desta segunda-feira (23), em Lagoa da Canoa, cidade a 133 quilômetros da capital, no agreste do Estado. As mortes ocorreram em decorrência de um assalto na cidade.

A versão inicial dava conta que a dupla havia assaltado um posto de combustíveis instalado às margens da AL 115. Relatos extraoficiais dão conta que uma dupla teria chegado ao local e invadido o escritório do proprietário do estabelecimento, quando funcionários abriam o local. A dupla teria roubado dinheiro dos frentistas e um som automotivo. O assalto ao posto foi confirmado, embora sem vítimas.

A dupla ferida foi surpreendida após assaltar um mototaxista. Os suspeitos, no entanto, não contavam com a presença de uma guarnição da polícia, que iniciou perseguição e durante troca de tiros atingiu os suspeitos. Feridos, os suspeitos foram encaminhados para a Unidade de Emergência Daniel Houly de Almeida, onde morreram devido à gravidade dos ferimentos.

Os suspeitos foram identificados como José Wesley da Silva e Márcio Teixeira da Silva e os óbitos foram confirmados pela assessoria de comunicação da HEA.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *